Irvin D. Yalom

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Irvin D. Yalom (Washington, DC, Estados Unidos, 13 de Junho de 1931) é um escritor americano. Filho de imigrantes russos, formou-se em psiquiatria na Universidade de Stanford e está há 47 anos em Stanford, é ateu.

Tornou-se conhecido quando sua obra Love's Executioner and Others Tales of Psychotherapy, publicada em 1989, alcançou a lista de livros mais vendidos nos Estados Unidos. Na mesma linha, seguiu-se Momma and the Meaning of Life (1999). Seu primeiro romance foi Quando Nietzsche Chorou (1992). Lançou também A Cura de Schopenhauer, Mentiras no divã e Os desafios da terapia.[1]

Em Quando Nieztche chorou, Irvin Yalon romantiza a vida de Friedrich Nietzsche e Josef Breuer. Apesar dos personagens principais da trama nunca terem se conhecido (o próprio autor afirma em suas observações no final do livro), o romance é parcialmente baseado em fatos reais.

Referências

Livros[editar | editar código-fonte]

Romances[editar | editar código-fonte]

Não Ficção[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

(em português)1ª -Entrevista de Irvin D. Yalom à revista Superinteressante

(em português)2ª- Entrevista de Irvin D. Yalom à revista Superinteressante

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.