Isco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita fontes confiáveis e independentes, mas elas não cobrem todo o texto. Ajude a melhorar esta biografia providenciando mais fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Isco
Arda Turan - Isco cropped.jpg
Informações pessoais
Nome completo Francisco Román Alarcón Suárez
Data de nasc. 21 de abril de 1992 (22 anos)
Local de nasc. Benalmádena, Espanha
Altura 1,76 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Espanha Real Madrid
Número 23
Posição Meia
Clubes de juventude

2006–2009
Espanha Benamiel
Espanha Valencia
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2010–2011
2011–2013
2013–
Espanha Valencia
Espanha Málaga
Espanha Real Madrid
007 0000(2)
082 000(17)
077 000(18)
Seleção nacional3
2008
2008–2009
2010
2010–2011
2011
2011–2014
2012
2013–
Flag of Spain.svg Espanha Sub-16
Flag of Spain.svg Espanha Sub-17
Flag of Spain.svg Espanha Sub-18
Flag of Spain.svg Espanha Sub-19
Flag of Spain.svg Espanha Sub-20
Flag of Spain.svg Espanha Sub-21
Flag of Spain.svg Espanha Olímpica
Flag of Spain.svg Espanha
003 0000(1)
021 0000(6)
001 0000(1)
012 0000(7)
006 0000(1)
019 000(10)
005 0000(0)
006 0000(1)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 16 de dezembro de 2014.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 18 de novembro de 2014.

Francisco Román Alarcón Suárez, mais conhecido como Isco, é um futebolista espanhol que atua como meia. Atualmente, joga pelo Real Madrid.

No ano de 2012 ganhou o prêmio Golden Boy, que é considerado a Bola de Ouro para os futebolistas menores de vinte anos, certificando assim seu grande rendimento mostrado em campo, assim como o Troféu Bravo em 2013. Ambos os prêmios foram completados com a Chuteira de Bronze da Eurocopa Sub-21 de 2013 disputada em Israel, onde ajudou a Seleção Espanhola a conquistar o torneio, certificando assim sua projeção futebolística.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Juvenil[editar | editar código-fonte]

Deu seus primeiros passos na equipe de sua cidade, Benalmádena, localizada na província de Málaga. Depois jogou no Atlético Benamiel Club de Fútbol, onde começou a se destacar em muitos torneios de nível nacional, o que fez com que muitos clubes grandes despertassem interesse nele.

Valencia[editar | editar código-fonte]

Foi para o Valencia com 14 anos em 2006, Inicia sua nova caminhada em uma equipe profissional, e em 2009 jogava partidas na Segunda Divisão B (Terceira Divisão Espanhola) com o Valencia Mestalla, equipe filial.

Estreou na equipe principal pela Copa del Rey, em 11 de novembro de 2010 contra o Logroñés marcando dois gols. 

Nessa temporada foi fundamental para o acesso do Valencia Mestalla, junto com seus companheiros de geração como Paco Alcácer.

Málaga[editar | editar código-fonte]

Em meados de julho de 2011, Isco assinou um contrato de cinco anos com o Málaga CF após o clube pagar a sua cláusula de rescisão de € 6 milhões. Estreou sob o comando de Manuel Pellegrini contra o Granada na vitória de 4-0, realizando uma grande partida. Pouco depois marcou o seu primeiro gol contra o Racing Santander. Esse ano fez uma temporada brilhante, sendo um dos jogadores revelação do Campeonato Espanhol, onde ajudou a sua equipe a se classificar para a Champions League pela primeira vez em sua história.

Em 18 de setembro de 2012, no primeiro jogo do Málaga na fase de grupos da Champions League, Isco marcou duas vezes na vitória em casa por 3-0 sobre o Zenit, onde foi eleito o Homem do Jogo. O Jogador terminou a temporada com doze gols marcados, sua melhor marca como futebolista profissional, junto com as suas grandes atuações na Champions League, onde foi um dos pilares na histórica participação da equipe na competição, chegando nas quartas de finais.

Suas boas atuações fez com que muitos clubes tivessem interesse sobre ele como o Manchester City e o Real Madrid confirmando que o jogador finalmente deixaria o Málaga. Apesar de estar somente a dois anos no clube, Isco deixou sua marca, o que fez com que o dono da equipe, o sheik Abdullah Al Thani aposenta-se a camisa de número 22 em homenagem ao jogador porém não foi permitido pela Federação Espanhola.

Isco atuando pelo Málaga em 2012. Ele é o 1º jogador agachado da esquerda para a direita.

Real Madrid[editar | editar código-fonte]

No dia 27 de junho de 2013 foi confirmada a sua transferência para o Real Madrid, firmando um contrato que vincula o jogador a equipe madridista durante cinco temporadas. Sua apresentação foi em 3 de julho no Estadio Santiago Bernabéu. Sua camisa foi a de número 23, onde anteriormente foi usada por jogador importantes para a equipe como David Beckham e Mesut Özil.

Estreou como madridista no dia 21 de julho em uma partida amistosa contra o Bournemouth, jogando os primeiros quarenta e cinco minutos da partida, enquanto a sua estreia oficial foi no dia 18 de agosto na primeira rodada do Campeonato Espanhol contra o Real Betis. Foi o jogador que mais se destacou na partida, dando uma assistência e marcando o gol da vitória por 2-1.

Na sua primeira temporada conquistou a Copa del Rey e a Champions League, jogando ambas as finais. Marcou 11 gols em 54 jogos na temporada.

Isco atuando pelo Real Madrid contra o Atlético Madrid.

Em sua segunda temporada conquistou a Supercopa de Europa .

Seleção Espanhola[editar | editar código-fonte]

Isco atuando pela Seleção Espanhola Sub-20 em 2010.

Categorias inferiores[editar | editar código-fonte]

Foi incluído entre os dezoito jogadores selecionados na equipe Sub-21 que foi para os Jogos Olímpicos de 2012 em Londres.

Em Junho de 2013, fez parte da Seleção que ganhou a Eurocopa Sub-21 disputada em Israel, ganhou a Chuteira de Bronze ao marcar 3 gols na fase final e completou o pódio totalmente espanhol pela primeira vez na história do torneio. Também fez parte da equipe ideal da competição, foi considerado uma das estrelas do torneio.

Seleção Principal[editar | editar código-fonte]

Em 15 de Maio de 2013 foi convocado pela primeira vez por Vicente del Bosque para disputar amistosos na preparação da Eurocopa de 2012. Porém não estreou nos dois jogos que a seleção disputou contra Sérvia e Coreia do Sul. Sua estreia foi no dia 6 de Fevereiro de 2013 em um amistoso contra o Uruguai em Doha no Catar, substituindo Iniesta na etapa final, a Espanha venceu por 3-1.

Em Outubro de 2013 disputou sua primeira partida oficial com a Seleção Espanhola contra a Georgia.

Em 25 de Novembro de 2014 marcou seu primeiro gol pela Seleção contra a Bielorrússia.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Real Madrid[editar | editar código-fonte]

Seleção Espanhola[editar | editar código-fonte]

Individuais[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de EspanhaSoccer icon Este artigo sobre um futebolista espanhol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.