Isotta Fraschini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Fundação Milão, Italia (1900 (1900))
Produtos Automóveis, motores de aviões, motores náuticos e outros bens
Vincenzo Trucco venceu a Targa Florio em 1908 com o Isotta Fraschini type I
Isotta-Fraschini AN 20/30 (1909)
Isotta-Fraschini Tipo 8 Sala Phaeton
O Isotta-Fraschini Tipo 8A S LeBaron Boattail Roadster modelo 1928 no the Imperial Palace Auto Collections em Las Vegas
Ficheiro:Isotta Fraschini D80 & D65.jpg
Isotta Fraschini D80 (left) & D65 (right)

A Isotta Fraschini é uma marca italiana historicamente conhecida pela fabricação de carros, que estão entre os mais luxuosos e prestigiosos que já foram feitos, assim como caminhões, motores para embarcações e aviões. Foi fundada em Milão, na Itália, em 1900 por Cesare Isotta e os irmãos Vincenzo, Antonio e Oreste Fraschini. Em 1955 a companhia uniu-se à Breda Motori e foi renomeada F.A. Isotta Fraschini e Motori Breda. No entanto, nenhum sucesso comercial foi feito. A companhia abriu falência em 1999. Em 2000, uma nova companhia, com o nome de Isotta Fraschini Milano foi fundada. Atualmente a Isotta Fraschini tem escritórios em Milão e Bari.

História[editar | editar código-fonte]

A firma recebeu seus fundadores, Cesare Isotta e Vincenzo Fraschini, o nome de Società Milanese Automobili Isotta, Fraschini & C., no dia 27 de Janeiro de 1900. O lema era "Importamos, Vendemos e Consertamos carros". Antes de abrir sua própria companhia em 1904, Isotta e Fraschini montavam Renaults.

O primeiro automóvel a levar essa marca tinha um motor de quatro cilindros com 24 cavalos de potência. O carro, pilotado por Vincenzo Fraschini, apareceu em várias corridas. Em 1905, a Isotta Fraschini chamou a atenção na Coppa Florio, a qual eles apareceram com um Tipo D com um enorme motor de 17.2 litros e 100 cavalos de potência. Por um curto período em 1907, a Isotta Fraschini uniu-se à fabricante de automóveis francesa Lorraine-Dietrich. A firma começou fazendo automóveis que usavam o mesmo motor de 100 cavalos, reforçando a reputação da companhia e fazendo com que ela tivesse um prestigio considerável. Esse também foi um dos primeiros carros com freio nas quatro rodas, após esse sistema ter sido inventado por Arrol-Johnston na Escócia em 1909. [1] eles foram um dos pioneiros do sistema OHC, com um motor desenhado por Giustino Cattaneo.[2] A Isotta Fraschini introduziu o seu “”Tipo 8””, o primeiro carro de linha a ser produzido com um Motor de oito cilindros em linha, no Salão de Paris em 1919[3] e começou a ser vendido aos clientes em 1920.[4] .

Com o crescimento da rica classe média na América do Norte nos anos 20, a Isotta Fraschini comercializou limusines de luxo para a nova aristocracia americana. Uma das primeiras estrelas de cinema, Clara Bow e Rudolph Valentino dirigiam uma Isotta Fraschini. Uma Tipo 8A Castagna Transformável de 1929 aparece no filme Crepúsculo dos Deuses[5] e outra no filme, Uma Sombra Que Passa com Fredric March. Uma Isotta também aparece no filme Romance e Fantasia com John Wayne e Claudette Colbert em 1946. Uma Isotta Fraschini era o carro do gigolô Lindsay Marriott no clássico de Raymond Chandler, Farewell, My Lovely que se tornou um filme estrelado por Dick Powell e Claire Trevor. A grade dianteira da Isotta com a característica insígnia no formato de uma lâmpada é vista estacionada em um barranco, logo antes de Lindsay Marriott morrer.

Seriamente afetada pela crise econômica da década de 1930 e pelas interrupções da Segunda Guerra Mundial, Isotta Fraschini parou de fazer carros depois da guerra (1949). Apenas cinco unidades do seu mais recente modelo, o Monterosa, foram produzidas. As fabricas foram modificadas para a produção de motores marítimos.

A empresa foi deixada no registo comercial e em 1955 fundiu-se com o fabricante de motores Breda Motori e nomeada FA Isotta Fraschini e Motori Breda. A empresa começou a produzir trólebus novamente e em 1960 construiu uma nova fábrica de motores diesel em Bari. Na década de 1980 a empresa foi renomeada Isotta Fraschini Motori SpA e tornou-se parte do grupo Fincantieri, com sede administrativa na antiga fábrica em Bari.

Nos anos 90, foram feitas tentativas de reviver a indústria automotiva da Isotta Fraschini. Carros-conceito cupê e roadster Isotta Fraschini T8 foram construídos em 1996, e o carro conceito roadster Isotta Fraschini T12 foi construído em 1998. A empresa nunca começou a produzir e entrou em falência em 1999.

Rebranding[editar | editar código-fonte]

Em 2000, após 100 anos da sua fundação, um grupo de investidores italianos, liderados por um economista, adquiriu os direitos sobre a marca.[6] Eles fundaram uma nova empresa, Isotta Fraschini Milano e uma fundação cultural, Intrepida Fides.[7] Um time, com sede em Milão, foi criado para reviver o espírito histórico da Isotta Fraschini, concebendo novos ícones, como um veículo elétrico urbano chamado <Type 0> e um Hiper-carro. Ambos os veículos serão revelados em 2014.[8] Estes ícones encarnam o espirito da marca adaptado para o século 21.

Veículos[editar | editar código-fonte]

Carros de passageiros

Carros de corrida

Caminhões

Trólebus

Atualmente[editar | editar código-fonte]

A Isotta Fraschini é hoje representada pelas três seguintes realidades económicas.

  • Intrepida Fides, a Fundação Isotta Franschini, acrónimo inventado por Gabriele D' Annunzio , com sede em Milão .
  • ' Isotta Fraschini Milano srl ' , com sede em Milão , que opera no campo automotivo , bem como a produção e comercialização de bens de luxo.
  • ' Isotta Fraschini Motori SpA ': com sede em Bari. Uma empresa de engenharia especializada em produtos diesel, motores marinhos, particularmente motores industriais e motores de tração ferroviária, mas também fornecer produtos e serviços de engenharia civil e militar. A empresa faz parte do grupo Fincantieri . A empresa [ http://www.isottafraschini.it ] produz sistemas de propulsão e de geração, utilizados por navios rápidos de the ataques litoral e iates da Marinha dos EUA. O L1306 T3, V 1312 T3, VL 1716 T2 T3 e GE NABIÇA V 1312 sistemas de geração T3 produz entre 200 kW e 3.000 kW. O maior desses geradores são utilizados nos navios Freedom class.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Georgano, G. N. Cars: Early and Vintage, 1886-1930. (London: Grange-Universal, 1985)
  2. Georgano. They were joined by Austro-Daimler's Prinz Heinrich, designed by Ferdinand Porsche, W. O. Bentley (in 1919), and Sunbeam (between 1921 and 1923).
  3. Posthumus, Cyril. The story of Veteran & Vintage Cars. Phoebus 1977 ed. London: Hamlyn / Phoebus, 1977. p. 70. ISBN 0-600-39155-8
  4. Daniels, Jeff. Driving Force: The Evolution of the Car Engine. [S.l.]: Haynes Publishing, 2002. p. 48. ISBN 1-85960-877-9
  5. ISOTTA FRASCHINI mod. 8 A museoauto.it.. Página visitada em 1 December 2012.
  6. LinkedIn, VALENTINO SPADAFORA.
  7. Milan, Companies Register # 1681288
  8. Isotta Fraschini Milano, Design Center, Press Release.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Isotta Fraschini