István Tisza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou secção está a ser traduzido. Ajude e colabore com a tradução.
István Tisza
15º Primeiro-ministro do Reino da Hungria
Mandato 3 de novembro de 1903
até 18 de junho de 1905
Antecessor(a) Károly Khuen-Héderváry
Sucessor(a) Géza Fejérváry
20º Primeiro-ministro do Reino da Hungria
Mandato 10 de junho de 1913
até 15 de junho de 1917
Antecessor(a) László Lukács
Sucessor(a) Móric Esterházy
Vida
Nascimento 22 de Abril de 1861
Peste, Hungria
Morte 31 de outubro de 1918 (57 anos)
Budapeste, Hungria
Dados pessoais
Partido Partido Liberal
Partido Trabalhista Nacional

István Tisza de Borosjenő et Szeged (em húngaro: Tisza István Imre Lajos Pál; em alemão: Stephan Tisza von Borosjenő et Szeged) (Peste, 22 de abril de 1861 - Budapeste, 31 de outubro de 1918) foi um político húngaro, primeiro-ministro e membro da Academia Húngara de Ciências. Os dois eventos mais importantes de sua vida foram a entrada da Áustria-Hungria na Primeira Guerra Mundial, quando exercia o segundo mandato como primeiro-ministro, e a Revolução dos Crisântemos, que culminou com seu próprio assassinato. Tisza apoiou a monarquia dual da Áustria-Hungria e foi representante do então acordo liberal-conservador.

Membro do Parlamento desde 1887, Tisza foi um dos maiores defensores do Compromisso austro-húngaro de 1867 e contrário a quaisquer reformas que permitissem o sufrágio universal (antes de 1918 apenas 10% da população húngara podia votar e ocupar cargos públicos). Em assuntos econômicos, Tisza foi um modernizador que incentivou e apoiou a industrialização. Também foi adversário do anti-semitismo, que ele via como algo comprometedor ao desenvolvimento econômico da Hungria.