Jørgen Pedersen Gram

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jørgen Pedersen Gram (sem data)

Jørgen Pedersen Gram (Nustrup, 27 de Junho de 1850 – Copenhagen, 29 de Abril de 1916) foi um atuário e matemático dinamarquês que nasceu em Nustrup, no Ducado de Schleswig, Dinamarca e morreu aos 65 anos em Copenhagen, Dinamarca.

Entre seus trabalhos importante inclui o On series expansions determined by the methods of least squares e Investigations of the number of primes less than a given number. O processo que leva o seu nome, Processo de Gram-Schmidt, foi publicado pela primeira vez em 1883.1

Para os teóricos sua principal fama se deve à série Função zeta de Riemann (a função exata de Bernhard Riemann em Função de contagem de números primos). Ao invés de usar uma série de logarítimos integrais, a função de Gram usa logarítimos de força e a função zeta de integros positivos. Foi recentemente substituída pela fórmula de Srinivasa Ramanujan que usa diretamente os Números de Bernoulli ao invés da função zeta.

Gram foi o primeiro matemático a providenciar uma teoria sistemática de desenvolvimento de freqüência de curvas, mostrando que o erro de curva da simetria Gaussiana era apenas um caso especial de uma classe geral de freqüência de curvas.2

Ele morreu se acidentar com uma bicicleta3

Referências

  1. David Poole (2005). Linear Algebra. Thomson Brooks/Cole. pp. 387. ISBN 0534998453.
  2. Helen Mary Walker (1929). Studies in the History of Statistical Method: With Special Reference to Certain Educational Problems. The Williams & Wilkins Company. pp. 77, 81.
  3. O'Connor, John J.; Robertson, Edmund F., "Jørgen Pedersen Gram", MacTutor History of Mathematics archive, University of St Andrews, [1].