Jaco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jaco é o ilhéu no extremo oriental do território de Timor-Leste.
Subdistrito de Tutuala e o ilhéu de Jaco

Jaco (às vezes também escrito Jako) é uma ilhota das Pequenas Ilhas de Sonda. Localiza-se no ponto mais oriental da ilha de Timor, em Kap Cutcha. Politicamente é parte do suco e sub-distrito Tutuala (Distrito de Lautém, Timor-Leste). É separada da ilha de Timor por um canal estreito, o que permite a travessia apenas por pequenos barcos. Apresenta aproximadamente 10 km² de área, e sua maior altitude fica em torno de 100 metros.

Inabitada, é considerada sagrada pelos povos autóctones, tornando-se proibido o pernoite na ilhota, apenas a visita diurna. Para além da sua beleza natural, com praias de areia branca, Jaco é habitat de espécies de aves endémicas, entre as quais se incluem o pombo-cuco-pardo (Macropygia magna) e o assoviador-de-peito-creme (Pachycephala orpheus). Reconhecendo esse facto e interesse de Jaco para a conservação da biodiversidade, a ilha foi incluída no Parque Nacional Nino Konis Santana, o primeiro Parque Nacional de Timor Leste, criado a 3 de Agosto de 2007 pelo Departamento de Áreas Protegidas e Parques Nacionais do Estado timorense.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]