Jacupiranga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Jacupiranga
Bandeira de Jacupiranga
Brasão de Jacupiranga
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 1927 (86–87 anos)
Gentílico jacupiranguense
Prefeito(a) José Cândido Macedo Filho (PSDB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Jacupiranga
Localização de Jacupiranga em São Paulo
Jacupiranga está localizado em: Brasil
Jacupiranga
Localização de Jacupiranga no Brasil
24° 41' 34" S 48° 00' 07" O24° 41' 34" S 48° 00' 07" O
Unidade federativa  São Paulo
Mesorregião Litoral Sul Paulista IBGE/2008[1]
Microrregião Registro IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Barra do Turvo, Cajati, Cananéia, Eldorado, Pariquera-Açu e Registro (São Paulo)
Distância até a capital 217 km
Características geográficas
Área 708,382 km² [2]
População 17 196 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 24,28 hab./km²
Altitude 33 m
Clima Subtropical Cfa
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,76 alto PNUD/2000[4]
PIB R$ 160 165,300 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 9 764,39 IBGE/2008[5]
Página oficial

Jacupiranga é um município do estado de São Paulo, no Brasil. Localiza-se a uma latitude 24º41'33" sul e a uma longitude 48º00'08" oeste, estando a uma altitude média de 33 metros. Sua população estimada em 2004 era de 18 380 habitantes.

Topônimo[editar | editar código-fonte]

"Jacupiranga" é um termo tupi que significa "jacu vermelho", através da junção dos termos ya'ku ("jacu")[6] e pyrang ("vermelho")[7] .

História[editar | editar código-fonte]

Fundada por um grupo de portugueses chefiados por Antônio Pinto de Magalhães Mesquita, Hildebrando de Macedo, Manuel Pinto de Almeida e Francisco Lara França, Jacupiranga nasceu ao redor da pequena Capela da Imaculada Conceição. Mais tarde, em 1888, o coronel Magalhães Mesquita, com a ajuda do padre Antônio Domingos Rossi, construiu a Igreja Matriz da cidade.

Em 1870, quando atingiu a categoria de vila, passou a ser Jacupiranga, palavra de origem indígena que significa jacu vermelho, um pássaro nativo da região. Hoje, possui belo casario histórico.

A Lei Estadual 2 253, de 29 de dezembro de 1927, criou o município, como território desmembrado de Iguape. Jacupiranga conseguiu sua emancipação político-administrativa em 29 de dezembro de 1927 e a instalação em 23 de junho de 1928. Foi elevada a comarca em 31 de dezembro de 1963.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Possui uma área de 708,382 km².

  • Área da Zona Urbana 10,4 km²
  • Área da Zona Rural 698,0 km²

Distâncias:

  • Curitiba: 180 km
  • Registro: 27 km
  • São Paulo: 217 km

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2000

População total: 17 041

(Fonte: IPEADATA)

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Economia[editar | editar código-fonte]

A principal atividade econômica da região é o cultivo da banana. Também se destaca na criação do gado vacum e bubalinos.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Dentre os atrativos destacáveis no município, pode-se citar festas típicas, como rodeios e festas juninas, além das tradições na cultura católica, como a ilustre Festa do Divino Espírito Santo e a Festa em Louvor a Nossa Senhora da Conceição, padoreira municipal.

Pontos turísticos[editar | editar código-fonte]

  • Salto do Rio Guaraú
  • Serra do Guaraú
  • Serra do Cadeado
  • Pedra do lençol
  • Cachoeiras e corredeiras
  • Parque Estadual de Jacupiranga
  • Igreja Matriz (restauração)
  • Pedra do Cristal
  • Caminho dos Jesuítas
  • Cachoeira do Pitu
  • Morro do Talavasso

Administração[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.979
  7. http://www.fflch.usp.br/dlcv/tupi/vocabulario.htm

Ligações externas[editar | editar código-fonte]