Jair (juiz de Israel)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Jair foi um dos juízes de Israel, um gileadita,[1] sucedendo a Tola.[2]

Jair julgou Israel por vinte e dois anos [1] (1219 - 1197 a.C., pelos cálculos de Jerônimo de Estridão [3] ) Ele tinha trinta filhos, que montavam em trinta jumentos, e tinham trinta cidades que, à época da composição do livro de Juízes, se chamavam Havote-Jair, na terra de Gileade.[4]

Ao morrer, ele foi sepultado em Camom.[5] Após sua morte, Israel voltou a pecar contra Jeová, adorando os baalim, às astarotes e aos deuses da Síria, Sidon, Moabe, Amom e dos filisteus;[6] Jeová os entregou nas mãos dos filisteus e dos filhos de Amom, por dezoito anos,[7] até que surgiu o novo juiz, Jefté.[8]

Referências

Precedido por
Tola
Juiz de Israel
1219 a 1197 a.C.
Sucedido por
Jefté