James Bond 007: Everything or Nothing

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
James Bond 007: Everything or Nothing
Desenvolvedora EA Redwood Shores e EA Canada (GC, PS2 e Xbox)
Griptonite Games (GBA)
Publicadora(s) EA Games
Distribuidora MGM Interactive
Plataforma(s) Game Cube
Playstation 2
Xbox
Game Boy Advance
Série James Bond
Data(s) de lançamento Game Boy Advance
GameCube, PS2 e Xbox
Gênero(s) Tiro em terceira pessoa,Ação-Aventura e Stealth
Modos de jogo single player, multiplayer
Número de jogadores 1 (Single Player) e 2-4 (Multiplayer)
Classificação Inadequado para menores de 13 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 15 anos i OFLCA (Austrália)
Inadequado para menores de 12 anos i PEGI (Europa)
Média DVD
Controles Joystick

James Bond 007: Everything or Nothing é um jogo de tiro em terceira pessoa com Ação-Aventura e Stealth para Game Cube, Playstation 2, Xbox e Game Boy Advance, no qual o jogador controla o famoso espião britanico fictício criado por Ian Fleming James Bond, que neste jogo é modelado como e dublado por Pierce Brosnan. EA Redwood Shores e EA Canada (responsáveis pelas fases de tiro em terceira pessoa e fases de veículos, respectivamente) desenvolveram e publicaram o jogo para PS2, GC e Xbox. A versão para GBA ficou por conta da Griptonite Games. O jogo marca a última aparição de Brosnan como Bond.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

No jogo, que é em terceira pessoa, Bond pode se esconder atrás de paredes, caixas,mesas entre outros para ter cobertura nos momentos de tiroteios. Não existe mais mira livre, ou seja, o jogador só pode atirar naquilo que a mira automática o permite. Mas a mira automática ainda permite escolher qual área do corpo o tiro deve atingir. O jogador ainda pode entrar no modo Bond Sense ("Sentido Bond"), que reduz drasticamente a velocidade do ambiente e muda a cor da tela para um azul e permite que o jogador identifique alvos não-humanos,localizar os bandidos e ver as armas que eles estão carregando,mostrar objetos espalhados nas fases e passagens secretas e tambem mostra os pontos para melhor utilizar o seu rapel apenas dê um zoom nos pontos vermelhos e te possibilita acessar o seu inventário de armas e bugigangas, que incluem granadas em forma de moedas, uma aranha-robô controlada por controle remoto, visão termográfica e uma roupa invisível. Todos esses objetos vão sendo adquiridos conforme o jogador avança pelas fases. A bugiganga mais utilizada é o rapel, que James usa para escalar,subir ou descer de paredes chegando a lugares altos e impossiveis de se alcançar.

O combate desarmado também foi aprimorado em relação aos jogos anteriores. Bond agora pode lutar com diversos golpes diferentes e pode se aproximar lentamente pelas costas dos bandidos matando os quebrando os seus pescoços,sufocando-os,entre outros jeitos,para momentos Stealths além de bond tambem poder tirar proveito de objetos que estejam ao seu redor espalhados pelos cenarios, como garrafas, barras de ferro, etc.

Quando o jogador atinge certos objetivos não-obrigatórios, tais como atalhos, métodos alternativos de matar inimigos, passar despercebido por lugares e etc, ele ganha um Bond Moment ("Momento Bond"). Outros objetivos especiais a se atingir são os Platinum Medals ("Medalhas de Platina"), que devem ser atingidos no nível 00 Agent. Para liberar a possibilidade de tentar completá-los, o jogador deve terminar cada fase com um número mínimo de pontos, que são obtidos em função de vários aspectos como mira, número de tiros, utilização de combate desarmado, etc. Tendo obtido os pontos, o jogador pode tentar cumprir os objetivos que o renderão a medalha de platina, que incluem terminar a missão em um determinado tempo, levar uma quantidade máxima de tiros, etc.

Além das missões convencionais, o jogador também enfrenta missões de veículos. Nessas missões, Bond controla desde motos até tanques, passando por carros, um caminhão e um helicóptero. A maioria dos veículos conta com várias armas como metralhadoras e mísseis e bugigangas tambem.

História[editar | editar código-fonte]

Missões

  1. Ground Zero
  1. A Long Way Down
  2. Train Chase
  3. An Old Friend
  4. Sand Storm
  1. Serena St. Germaine
  2. Vertigo
  3. The Ruined Tower
  4. Death of na Agent
  5. A Show of Force
  1. Mardi Gras Mayhem
  2. The Kiss Kiss Club
  3. Underworld (fase extra liberável)
  4. Death's Door
  5. Battle in the Big Easy
  6. Faded Splendor
  7. The Machinery of Evil
  8. The Portchartrain Bridge
  • Missão 5: Puerto Viejo
  1. A Simple Exchange
  2. Red Line
  3. Ambushed
  4. The High Road
  5. Diavolo's Plan
  1. The Platinum War
  2. Dangerous Descent
  3. Red Underground
  4. The Final Card
  5. Everything or Nothing
Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A cada grupo de fases, existem fases chamadas MI-6 Interludes, nas quais Bond recebe o panorama geral da missão que deve realizar no seu próximo destino, e recebe bugigangas de Q (John Cleese) e sua nova assistente, Srta. Nagai (Misaki Ito).

Início[editar | editar código-fonte]

O jogo começa com Bond interceptando uma troca nas Montanhas Pamir no Tadjiquistão. 100 milhões de dólares seriam trocados por um artefato nuclear roubado do arsenal soviético, mas James provoca uma batalha entre as duas partes. Após recuperar a bomba, Bond foge em um helicóptero. Esta missão e a próxima, que se passa em uma realidade virtual do MI-6, não tem relação alguma com o enredo do jogo, servindo apenas de tutoriais para o jogador.

Resgate[editar | editar código-fonte]

A história começa quando Bond é enviado ao Egito para resgatar a Doutora Katya Nadanova (Heidi Klum), uma cientista da Universidade de Oxford que trabalhava em um projeto de nanorobôs. Ela é levada para um trem, que Bond persegue e invade. Após enfrentar seu velho inimigo Jaws (Richard Kiel), o agente encontra Nadanova algemada ao trem, que está prestes a cair de uma ponte destruída. Como ainda há um helicóptero disponível, os dois escapam e perseguem o general que roubou os nanorobôs e fugiu em outro helicóptero. Após uma perseguição no Vale dos Reis, Bond derruba o general e deixa Nadanova em um apartamento. Lá dentro, descobre-se que Nadanova escondeu um nanorobô consigo e é na verdade amante de Nikolai Diavolo (Willem Dafoe), um ex-aluno de Max Zorin (vilão que Bond havia derrotado no filme A View to a Kill) que aparentemente quer usar os nanorobôs para algum mal.

Agente Desaparecido[editar | editar código-fonte]

De volta ao quartel-general do MI-6 na Escócia, M (Judi Dench) informa a Bond que seu colega 003 desapareceu no Peru enquanto investigava Diavolo, um ex-agente da KGB que foi desligado devido aos seus métodos demasiadamente cruéis. Uma vez em Puerto Viejo, cidade costeira do país sul-americano, Bond deve procurar por Serena St. Germaine (Shannon Elizabeth) que acompanhava 003 (Jack). Usando o seu Porsche Cayenne Turbo que pode ficar invisível, Bond explora a vila e localiza Serena, que o leva a uma base no sopé de uma falésia, o último paradeiro conhecido de 003. Bond sobe por uma série de elevadores, elimina inimigos em uma ruína Inca e entra em uma base dentro delas. Lá dentro, ele testemunha Nikolai Diavolo atirando em 003 no estômago. O agente ferido só sobrevive tempo o suficiente para dizer que Bond deve ir a Nova Orleans, nos Estados Unidos. Ao sair da base, James vê que Serena foi seqüestrada por Katya, que a joga penhasco abaixo. James pula, salva-a e rouba um tanque para levar Serena de volta à sua cabana. Para fugir da vila, Bond usa uma moto e rapidamente escapa no avião do MI-6 que estava na pista de pouso local e era alvejado pelos inimigos.

Salvando Mya[editar | editar código-fonte]

Em Nova Orleans, Bond procura por Mya Starling (Mýa), uma agente da NSA que trabalha disfarçada de cantora no Kiss Kiss Club, uma casa noturna gerenciada por Arkady Yayakov, um criminoso de guerra russo procurado pela Interpol e aliado a Nikolai. Assim que chega ao clube, Bond testemunha o rapto de Mya por Yayakov. Bond sai atrás dela, eliminando inimigos através do clube, de uma galeria subterrânea (fase Underworld que é liberada posteriormente e não é obrigatória para a conclusão do enredo) e de um cemitério. No crematório, Bond enfrenta Jean Le Rouge enquanto Mya fica pendurada num gancho que caminha em direção às chamas. Após matar o criminoso, Bond e Mya escapam numa limusine e chegam a uma base onde o carro de Bond (um Aston Martin V12 Vanquish) o espera. Bond leva Mya ao seu apartamento em segurança.

Em Busca de Yayakov[editar | editar código-fonte]

Agora, Bond deve ir à mansão de Yayakov em Louisiana. Dentro dela, ele enfrenta vários inimigos e chega a uma base dentro da qual descobre que Diavolo planeja utilizar os nanorobôs (que haviam sido originalmente projetados para consertar reatores nucleares mas foram reprogramados para destruir tudo que for feito de metal) para destruir os diques de Nova Orleans e inundar a cidade. Antes de sair, ele enfrenta Yayakov e seus capangas e os derrota. Fora da mansão, Bond é surpreendido por Jaws, que dirige um caminhão de gasolina. O agente sobe em uma motocicleta e persegue o bandido pela Ponte Pontchartrain, até conseguir estourar os pneus do caminhão fazendo com que Jaws caia no Lago Pontchartrain, impedindo uma tragédia na cidade.

Descobrindo a verdade[editar | editar código-fonte]

De volta a Puerto Viejo, Bond deve invadir a mina de platina que Diavolo mantém nas imediações da vila. Para chegar nela, ele deve vencer uma corrida cujo vencedor ganha um jantar com Diavolo. Bond sorrateiramente invade um hotel e troca de lugar com um dos pilotos, vencendo o circuito posteriormente. Novamente no hotel de Diavolo, Bond enfrenta seus capangas sabendo que Serena foi seqüestrada por outros homens de Diavolo. Os dois saem do hotel, e 007 parte para a mina de Diavolo após deixar Serena no Hotel Americano, onde ela estava hospedada. Dentro da mina, Bond é surpreendido e dominado por Katya e seus homens. Preso a uma parede, o agente conversa com Diavolo e este o revela que Moscou é seu próximo alvo, e que o Kremlin será destruído. Diavolo e Katya abandonam Bond na mira de uma furadeira que lentamente avança em direção ao seu peito, mas o agente escapa com sua nova granada que emite PEM (pulsos eletro-magnéticos). A mina e seus guardas são então destruídos por Bond que escapa com Serena para Moscou.

A hora da verdade[editar | editar código-fonte]

Na capital Russa, Diavolo e seu exército de platina já derrotaram a maior parte do Exército da Rússia e agora avançam em direção à Praça Vermelha. 007 rouba um dos tanques de Diavolo e impede que os outros tanques destruam o Kremlin. O plano também incluía lançar gases tóxicos no prédio. M informa seu agente que Diavolo se encontra nos subterrâneos do Kremlin, onde existe uma base secreta dos tempos da Guerra Fria. Lá dentro, Bond enfrenta Jaws pela última vez, fazendo com que um elevador de cargas despenque com o dentes-de-aço.

Tudo ou nada[editar | editar código-fonte]

Diavolo se apoderou de mísseis nucleares do arsenal soviético. Embora eles tenham sido desativados e suas ogivas tenham sido removidas, o vilão as substituiu por bombas de nano-robôs. Ele planeja disparar os mísseis contra as principais cidades do mundo. Contudo, 007 desativa todos e elimina os guardas de Diavolo. Quando tenta escapar da base com um grande elevador de carga, Bond é surpreendido por Diavolo e Katya em um caça. O caça é derrubado, e Katya morre, mas Diavolo consegue ejetar a tempo. Ele reativa um dos mísseis e o direciona para Londres. Após percorrer a base e eliminar vários inimigos, Bond encontra Diavolo numa torre de lançamento de mísseis. A torre é destruída, e Diavolo cai no silo de um dos mísseis, mas não sem antes ativar o lançamento. Para impedir a destruição da capital britânica, 007 se apodera de um lança foguetes e destrói o míssil. A missão e o jogo terminam.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Pierce Brosnan como James Bond – O agente 007 controlado pelo jogador possui um vasto inventário de armas e bugigangas é muito fiel à sua missão.
  • Willem Dafoe como Nikolai Diavolo – um ex-agente da KGB desligado por ser cruel demais. Também foi ex-aluno de Max Zorin, que foi morto por James em Londres. Ele planeja dominar o mundo com seu exército de nanorobôs comedores de metal.
  • Shannon Elizabeth como Serena St. Germaine – uma geologista Americana que acompanhava Jack (003) no Peru e que ajuda Bond na sua caça pela mina de platina. É a principal Bond girl do jogo.
  • Heidi Klum como Dra. Katya Nadanova - uma cientista de Oxford que desenvolveu nano-robôs capazes de consertar reatores nucleares e que foram mais tarde cedidos à Diavolo para que fossem transformados em máquinas de comer metal.
  • Mýa como Mya Starling – uma agente da NSA disfarçada de cantora em uma casa noturna de Nova Orleans que ajuda Bond a investigar as atividades de Diavolo nos Estados Unidos.
  • Richard Kiel como Jaws(Dentes de Aço) – um clássico vilão de 007 que já apareceu em The Spy Who Loved Me, Moonraker e até no jogo GoldenEye 007. No jogo, ele se mostra mais resistente do que nunca: sobrevive à queda (e subseqüente explosão) de um trem e ao naufrágio de um caminhão, até ser destruído quando um elevador despenca no seu poço.
  • John Cleese como Q – o principal cientista do MI-6, é ele quem ajuda 007 com seus inventos, equipamentos e veículos, além de dar dicas durante o jogo.
  • Judi Dench com M – a chefe do MI-6 é quem instrui James durante suas missões e dá a seu agente 007 úteis informações.
  • Misaki Ito como Srta. Nagai – a nova assistente de Q, possui conhecimentos em tecnologia que serão de grande ajuda para Bond durante o jogo.
Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Pela primeira vez em um jogo de James Bond, vários atores foram chamados para servirem de modelos para os personagens, que foram dublados por eles mesmos. O jogo também é o segundo a ter uma música de abertura original, mas o primeiro a ter a abertura cantada por um artista famoso: Mýa, cantora de R&B, que também faz o papel de uma Bond girl no filme. A trilha sonora foi composta por Sean Callery. O jogo foi escrito por Bruce Feirstein, que também escreveu o filme Tomorrow Never Comes e co-escreveu GoldenEye e The World Is Not Enough.

Recepção e crítica[editar | editar código-fonte]

 
Resenha crítica
Publicação Nota
1UP A- [1]
=Edge 5 de 10 [2]
EGM 83 de 100[3]
=Entertainment Weekly B- [4]
Game Informer 8.5 de 10 [5]
GamePro 4.5 de 5 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar half.svg
GameSpot 8.8 de 10 [6]
IGN 8.5 de 10 [7]
Nintendo Power 8.8 de 10 [8]
Official Xbox Magazine 82 de 100 [9]
GameStart 8.5 de 10
Pontuação global
Publicação Nota média
GameRankings 83 de 100 [10]
Metacritic 83 de 100[11]

Em geral o jogo foi muito bem recebido pela crítica (um dos poucos jogos de 007 a conseguir isto) . O site GameSpot disse que o jogo é "muito bom, talvez o melhor jogo de James Bond já feito."[12] IGN disse que a "EA abalou e nos deu uma nova e fresca perspectiva de como Bond pode ser bom."[13] uma Review do Site GameStart disse que Everything or Nothing é um grande jogo, talvez o melhor jogo da série 007 já lançado"

Versão de Game Boy Advance[editar | editar código-fonte]

A versão do jogo para GBA recebeu em geral críticas negativas, principalmente pelo fato da qualidade do jogo ser fraca se comparada à versão para consoles. Game Informer criticou os controles do game e a câmera isométrica, alegando que é difícil planejar as ações se só se enxerga o que está poucos metros diante do jogador, e por isso é mais fácil sair atirando pelos níveis afora.[14]

Outras publicações foram mais favoráveis. A resenha do GameSpot considerou o jogo um rápido mas satisfatório jogo de ação que captura o visual e a sensação de um típico filme de James Bond.[15]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]