James Chance and the Contortions

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
James Chance and the Contortions
Informação geral
Origem Nova Iorque
País  Estados Unidos
Gênero(s) no wave, punk rock, post-punk, punk jazz
Período em atividade 1979
Gravadora(s) ZE Records, Munster Records
Ex-integrantes James Chance, Pat Place, Jody Harris, Adele Bertei, George Scott, Joseph Bowie

James Chance and the Contortions um dos grupos originais de punk jazz da cena No Wave de Nova Iorque, o The Contortions eram liderados pelo saxofonista James Chance, também conhecido como James White[1] .

A primeira gravação do grupo, creditado apenas como The Contortions, foi a compilação de 1978, No New York[2] . No ano seguinte, o grupo lançou Buy the Contortions[3] (um LP de punk-jazz extremo ) e o EP Designed to Kill / Throw Me Away, ambos pela ZE Records.

Após Chance e seu agente, Anya Philips, terem se desentendido com muitos dos Contortions da formação original, o line-up mudou com freqüência: O guitarrista original do Contortions, Pat Place, viria a fundar o grupo Bush Tetras. Outro guitarrista, Jody Harris, formou o grupo de neo-surf Raybeats com Don Christensen, Scott George III e Pat Irwin. O tecladista Adele Bertei formou o Bloods. Em 1979, George Scott sai em turnê com John Cale, conforme documentado no álbum Sabotage Live[4] .

Ainda pela ZE Records os Contortions lançaram, quase simultaneamente ao primeiro álbum, o LP Off White[5] , sob a alcunha de James White & The Blacks, uma vez que da formação original haviam restado apenas o próprio Change e os integrantes afro-americanos do grupo. Alguns dos membros da banda, incluindo Joseph Bowie, posteriormente se separaram de Chance e formaram a banda defunkt.

Em 2003, a Munster Records lançou a compilação Buy / Off White que reúne as 18 faixas dos dois álbuns[6] .

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • No New York (1978)
  • Buy (1979)
  • Paris 1980 Live Aux Bains Douches (1980)
  • Live in New York (1981)
  • Soul Exorcism (1991)
  • Lost Chance (1995)
  • White Cannibal (2000)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]