James Lane Allen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
James Lane Allen
Nascimento 21 de dezembro de 1849
Lexington
Morte 18 de fevereiro de 1925 (75 anos)
Nova Iorque
Nacionalidade Estados Unidos americano
Ocupação escritor

James Lane Allen (Lexington, 21 de dezembro de 1849Nova Iorque, 18 de fevereiro de 1925) foi um escritor americano de romances e contos, cujo trabalho inclui o romance A Kentucky Cardinal, representou com frequência a cultura e os dialetos de sua terra natal, o Kentucky. Seu trabalho é característico do regionalismo do final do século XIX, quando os escritores tentaram capturar o vernáculo em sua ficção. Allen tem sido descrito como o "primeiro romancista importante do Kentucky".

Biografia[editar | editar código-fonte]

Allen nasceu perto de Lexington, Kentucky, e sua juventude lá, durante os períodos da Guerra Civil, e da Reconstrução influenciaram fortemente seus escritos. Allen graduou-se na Universidade da Transilvânia em 1872, lecionou em Fort Spring, em Richmond e em Lexington, Missouri, e de 1877 a 1879, na academia da Universidade do Kentucky, onde foi diretor e lecionou línguas modernas. Em 1880 foi professor de latim e inglês no Colégio de Bethany, em Bethany, Virgínia Ocidental, e então se tornou diretor de uma escola particular em Lexington, Kentucky.

Posteriormente, desistiu do ensino, em 1893 mudou-se para Nova Iorque, onde se dedicou à literatura e viveu até sua morte. Foi colaborador da Harper's Magazine, The Atlantic Monthly, e de outras revistas populares da época. Allen está sepultado no cemitério de Lexington.

Trabalhos publicados[editar | editar código-fonte]

  • With Flute and Violin (1891)
  • The Blue Grass Region (1892)
  • John Gray (1893)
  • A Kentucky Cardinal (1894)
  • Aftermath (1895)
  • A Summer in Arcady (1896)
  • The Choir Invisible (1897)
  • The Reign of Law (1900)
  • The Mettle of the Pasture (1903)
  • The Bride of the Mistletoe (1909)

Notas e referências

Wikisource  "Allen, James Lane". Encyclopædia Britannica (11th). (1911). Ed. Chisholm, Hugh. Cambridge University Press. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]