James while John had had had had had had had had had had had a better effect on the teacher

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

"James while John had had had had had had had had had had had a better effect on the teacher" é uma frase na língua inglesa usada como exemplo para frisar a importância da pontuação. Apesar de gramaticalmente correta, a ausência de pontos, vírgulas, ponto-e-vírgulas e aspas torna o significado desta construção ambíguo.[1] [2] [3] [4]

A frase situa três personagens: dois alunos e um professor. Um dos alunos, John, usa o termo "had" em uma oração, enquanto o outro, James, vale-se de "had had", que seria um termo mais apropriado para a sentença em questão. O feito de John gera um maior apreço por parte do professor.

Se escrita com a correta pontuação e conforme seu sentido original, a frase ficaria:
"James, while John had had "had", had had "had had"; "had had" had had a better effect on the teacher"
Se, ainda de acordo com esse sentido, a frase fosse traduzida para o português, ficaria:
"James, enquanto John tinha usado "had", usara "had had"; "had had" teria causado uma melhor impressão no professor"

Referências

  1. Magonet, Jonathan. A rabbi reads the Bible. 2nd ed. [S.l.]: SCM-Canterbury Press, 2004. p. 19. ISBN 978-0-334-02952-6 Página visitada em 2009-04-30.
  2. Dundes, Alan; Pagter, Carl R.. In: Alan. When you're up to your ass in alligators: more urban folklore from the paperwork empire. Illustrated ed. [S.l.]: Wayne State University Press, 1987. p. 135. ISBN 0-8143-1867-3 Página visitada em 2009-04-30.
  3. Hudson, Grover. Essential introductory linguistics. [S.l.]: Wiley-Blackwell, 1999. p. 372. ISBN 0-631-20304-4 Página visitada em 2009-04-30.
  4. van de Velde, Roger G.. Text and thinking: on some roles of thinking in text interpretation. Illustrated ed. [S.l.]: Walter de Gruyter, 1992. p. 43. ISBN 3-11-013250-8 Página visitada em 2009-04-30.

Ver também[editar | editar código-fonte]