Jardim inglês (Genebra)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jardim Inglês
A fonte das quatro estações
Coordenadas 46° 12' 14" N 06° 09' 07" E
Localização Flag of Canton of Geneva.svg Genebra - Suíça
Tipo Parque
Tamanho 45 hectares

O Jardim Inglês de Genebra, Suíça, fica do lado nascente da Ponte do Monte Branco. Criado em 1854 [1] é um dos parques da cidade mais frequentados pelos turistas, devido á sua posição central na cidade e junto á ligação obrigatória entre as duas partes da cidade pela ponte do Monte Branco [2] .

Diz-se que o nome de jardim inglês teve origem no local onde os turistas ingleses, que aliás estão na base do turismo na Suíça (Montreux) e dos desportos de inverno nos Alpes (Chamonix) [3] , vinham passear junto ao Lago Lemano que se termina nesta cidade.

No próprio jardim encontra-se o monumento nacional, a fonte das quatro estações de 1862, uma obra do escultor parisiense Alexis André, um kiosque à musique (coreto) do fim do século XIX, e o busto do pintor François Diday por fr:Frédéric Dufaux.

Monumento nacional[editar | editar código-fonte]

O Monumento nacional que mostra a República de Genebra e a Helvécia enlaçadas, simboliza a entrada da República de Genebra na Confederação Suíça a 12 de Setembro de 1814 [4] .

Relógio florido[editar | editar código-fonte]

Símbolo da indústria relojoeira genebrina mundialmente reconhecida, este relógio florido existe desde 1955.

Antigamente simples decoração floral, adquiriu dimensão artística desde que os serviços municipais fizeram dele o símbolo da decoração floral de Genebra, e onde tradicionalmente a sua decoração muda segundo as estações do ano. A título de curiosidade, a agulha dos segundos mede 2,5 m [5] .

Pedra de Niton[editar | editar código-fonte]

A poucos metros do margem do jardim encontram dois rochedos do período glaciar, Neiton et Neptune.

Se na antiguidade foram o centro de celebrações rituais, a maior delas, a pedra de Niton, foi escolhida pelo general e engenheiro genebrino Guillaume-Henri Dufour como marco de base - 373,6 m acima do nível do mar - para a elaboração da sua famosa carta cartográfica da Suíça á escala 1:100 000 [6] .

Jacto[editar | editar código-fonte]

Na Rade de Genebra, e a escassos minutos do jardim, encontra-se o ex-libris de Genebra, o Jacto de Genebra.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Extension du Jardin anglais Archives d'État de Genève] (em francês)
  2. GE-Tourisme: Jardim Inglês (em francês)
  3. Thierry Terret et Pierre Arnaud, « Le ski, roi des sports d'hiver », in Histoire des sports, Paris, L'harmattan, 1996, p.179
  4. GE-Tourisme; Monumento Nacional (em francês)
  5. GE-Tourisme: Relógio florido (em francês)
  6. GE-Tourisme: Pedra do Niton (em francês)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]