Jason Voorhees

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Friday the 13th
Jason Voorhees
Classificação: Aberração
Arma: Conhecido por usar um facão. Todavia, pode usar qualquer tipo de arma branca ou sua própria força física sobre-humana para matar suas vítimas.
Local de Nascimento: Crystal Lake
Criadores: Victor Miller, Sean S. Cunningham, Tom Savini
Interpretado por: Ari Lehman (criança), Warrington Gillette, Steve Daskewisz, Richard Brooker, Ted White, Tom Morga, C.J. Graham, Dan Bradley, Kane Hodder, Ken Kirzinger, Derek Mears
Poderes: Imortalidade
Atributos físicos super-humanos,
fator de cura acelerado
Principal Inimigo: Freddy Krueger

Jason Voorhees, nascido em 13 de junho de 1946[1] , é um personagem fictício, principal personagem dos filmes de terror da franquia Sexta-Feira 13. O assassino Jason é filho de Pamela Voorhees e Elias Voorhees.

Biografia[editar | editar código-fonte]

A marca característica do personagem é a utilização de uma máscara de hóquei para ocultar o rosto. Voorhees teria se afogado a 13 de junho de 1958, em Crystal Lake, por negligência dos monitores que cuidavam das crianças acampadas ao redor do lago. Pamela, sua mãe, era a cozinheira do acampamento.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Jason tem um feijão no dente
  • Jason não mata crianças (embora no terceiro filme, Friday the 13th Part III, ele tenha matado uma mulher grávida, Debbie). Quando se encontra com uma criança, geralmente ele fica apenas olhando, sem nada fazer. Na parte VIII, uma cena de flashback mostra que enquanto ele próprio ainda era criança, deu um susto numa menina que caiu no lago, mas a deixou ir embora. A única ocasião onde Jason ataca crianças é em um jogo lançado para nes, onde elas podem ou não morrer dependendo do desempenho do jogador.
  • No filme Freddy vs. Jason o personagem Freddy Krueger quase o mata afogado, explicando-se que como morreu afogado, Jason tem muito medo de água. Porém, em quase todos os demais filmes, é visto entrando diversas vezes na água, para aniquilar suas vítimas, como no caso da parte IV e VI (Quando pula no barco do personagem Tommy).
  • Jason tem 1,96 metro de altura e pesa 115 kg.
  • As vítimas prediletas de Jason são jovens instrutores de acampamento.
  • Sua arma favorita no começo de carreira era o facão, mas Jason nunca foi um assassino de hábitos. Hoje, usa o que encontra pela frente, de canos gigantescos, passando por martelos e machados e até chaves de fenda, mas excluindo armas de fogo e disparo, exceto uma vez em que ele usou um lança-arpão.
  • Jason só aparece pessoalmente no segundo filme. Mas há duas cenas do primeiro filme que o mostram. Na primeira, sua mãe Pamela Voorhees o vê se afogando no lago, enquanto ela tem um ataque de esquizofrenia. Na segunda, a personagem Alice tem um tipo de pesadelo com ele no qual o vê, ainda criança, tentando sem sucesso afogá-la (Alice é a única sobrevivente da chacina de Crystal Lake) no fim do filme. Dois meses depois (já no início de Friday the 13th Part II) Jason já adulto mata Alice em sua casa.
  • Só no terceiro filme (Friday the 13th Part III), Jason começa a usar a famosa máscara de hóquei (máscara do time Detroit Red Wings). Antes disso ele fazia uso de um saco de estopa com um buraco.
  • Ainda sobre o terceiro filme, Jason apresenta um rosto mais humano que nos demais filmes que se seguiriam, e ele também ostenta cabelo.
  • No quinto filme da franquia (Friday the 13th: A New Beginning), Jason novamente não é o assassino e sim Roy Burns; que após ver seu filho bastardo ser morto, tem um surto e usa a lenda de Jason para matar todos do Instituto de Saúde Mental Unger (onde seu filho era paciente), sendo que nessa ocasião a chacina não ocorre em Crystal Lake.
  • No nono filme da franquia (Jason Goes to Hell: The Final Friday), é revelado que Jason teria uma irmã, Diana Kimble. No primeiro filme, a mãe de Jason o chama de "minha única criança". Assim, provavelmente Diana é sua irmã só por parte de pai.
  • Tecnicamente, Jason "só" começou a ser ressuscitado a partir do sexto capítulo – apesar de ter levado um facão no ombro e uma machadada na cabeça, ele inexplicavelmente não morria. A partir de seu retorno triunfal (um raio atinge um pedaço de metal que atravessava seu corpo enterrado), o maníaco ressuscitou mais seis vezes, inclusive por uma garota paranormal (Friday the 13th Part VII), no espaço (Jason X) e pelo inimigo Freddy Krueger ("Freddy vs. Jason").
  • Não existe uma razão específica para o silêncio de Jason. Sabe-se que ele tem problemas mentais, mas a língua está lá. Ele certamente pensaria: "Minhas ações já falam por mim."
  • Apenas no nono filme Jason diz uma única palavra em toda sua vida. Ao se ver cercado pela polícia, ele diz: "Hã?", antes de ser baleado.
  • Durante os primeiros filmes, Jason corre atrás de suas vítimas. Nas seqüências dos filmes, Jason andava ao invés de correr pois conhecia toda a região de Crystal Lake ao invés de suas vítimas que corriam sem rumo. Depois do oitavo filme (Friday the 13th Part VIII: Jason Takes Manhattan) Jason parece se "teletransportar" para perto de suas vítimas.
  • A única pessoa que Jason já chegou a amar é sua mãe, Pamela Voorhees. Após ser decapitada, Jason guarda a sua cabeça em seu barraco.
  • O pai de Jason é Elias Voorhees que nunca apareceu em algum dos filmes; no sexto filme (Jason Lives: Friday the 13th Part VI) Elias apareceria no final do filme no túmulo de Jason, mas a cena foi cortada.
  • É revelado dois modos de "matar" Jason. O primeiro (de Jason Lives: Friday the 13th Part VI) é "matar" Jason do mesmo modo e no mesmo lugar onde morreu originalmente (ser afogado no Lago Cristal). O segundo (de Jason Goes to Hell: The Final Friday) é destruir seu coração, o qual é habitado por uma criatura que tem a aparência de um verme gigante (que aparece na capa do filme) que só pode ser destruído por pessoas que tem o mesmo sangue de Jason correndo nas suas veias, como no caso da sua irmã Diane, sua sobrinha Jessica e sua sobrinha neta Stephanie Voorhees, fazendo o Jason ser soterrado pelas mãos demoníacas do inferno, na cena inicial do filme Freddy vs. Jason, quando o Jason é despertado pelo Freddy Krueger saindo debaixo da terra de onde foi morto no filme "Jason vai para o inferno".
  • Se estranha muito o fato de ninguém jamais ter tido a ideia de decapitá-lo, pois é obvio que ele não poderia viver sem a cabeça.
  • A localização exata do acampamento nunca foi revelada, mas sabe-se que o acampamento fica na cidade de Crystal Lake, em Illinóis.
  • A história de Jason mantém uma coerência maior nos oito primeiros filmes em que o personagem aparece, entre 1980 e 1989, embora várias situações fiquem sem explicação. Mas a partir de Jason Goes to Hell: The Final Friday, surgem contradições extremamente visíveis na história.
  • No oitavo filme, já em Nova York, ele pára por um instante para ver uma versão gigante de sua máscara num estádio de Hockey. Também chutou um rádio de uma gangue de rua que quando quis tomar satisfações, na hora ele se virou e ergueu a máscara, fazendo os caras desistirem e mesmo com uma enorme multidão em seu caminho, ele se concentrou só nos dois que estavam fugindo.

Golpes Favoritos[editar | editar código-fonte]

Jason, na maioria das vezes, mata suas vítimas com facas ou machados. Mas, algumas vezes, ele prefere usar suas próprias mãos para esmagar suas presas. Em alguns casos Jason dá em suas vítimas um abraço de urso tão forte que as quebra ao meio. Também costuma usar um tipo de golpe esmaga crânios, onde Jason põe suas mãos na cabeça de uma pessoa e aperta até que seja literalmente esmagada. Em outros casos, Jason quebra o pescoço de suas vítimas virando a cabeça de uma pessoa para trás em 180° graus com suas próprias mãos (como no filme Sexta-Feira 13 parte 4, Sexta-Feira 13 parte 6, Sexta-Feira 13 parte 7 e Freddy vs Jason). Outro golpe que Jason Voorhees prefere usar é penetrar o braço em suas vítimas, sendo severamente atravessada (em Sexta-Feira 13 parte 6 e Sexta-Feira 13 parte 7). Em Freddy vs.Jason, ele dobrou um rapaz ao meio em cima de uma cama usando o colchão. Nessa ocasião se mostra que Jason possuí uma ótima pontaria, pois atirou o facão num cara de dentro do milharal, acertando-o bem no meio das costa e atravessando o peito.

Dossiê do Jason[editar | editar código-fonte]

Se formos contar com todos os filmes da série, Jason já:

  • Matou 285 pessoas, sem contar as pessoas da estação espacial Solaris em Jason X;
  • Pendurou 85 de seus cadáveres em tetos ou árvores;
  • Levou cerca de 435 tiros, foi esfaqueado 106 vezes, cortado muitas vezes por Freddy Krueger, levou 20 machadadas, foi atingido por um mastro de bandeira, foi atropelado por um trator e um carro, soterrado por um telhado, foi atingido por vasos, um sofá, pedaços de madeira, dois torpedos, duas cadeiras, livros, uma estante, uma televisão, quebrou o pescoço no bote de Crystal Lake, teve um machado cravado no crânio (parte 3), foram fincados ao longo do seu corpo 15 barras de metal, espancado por uma barra de metal diversas vezes, ficou muito tempo embaixo do lago preso por uma pedra e uma corrente em seu pescoço, arremessado junto a Freddy por um carro de mina, foi parcialmente queimado (por gasolina em Freddy vs. Jason e Sexta feira 13 parte VII), levou 25 socos no rosto (parte 8), foi chutado por Freddy, levou pedradas no rosto (parte 6), perdeu 4 dedos da mão direita, teve os dois olhos furados, foi afogado em água e lixo tóxico, explodido, criogenizado, enforcado, decepado, eletrocutado (por um fio de poste, um painel destruído e em um trilho de metrô), sua cabeça foi furada por Freddy, arremessado contra andaimes cerca de 15 vezes (Freddy vs. Jason), esmagado, perdeu a perna, teve metade de sua cabeça estourada por uma hélice de barco e um mini-míssil, foi obrigado a se bater em uma parede de metal várias vezes por Freddy, ficou no espaço sem ar e em baixas temperaturas, sofreu entrada brusca na atmosfera em uma temperatura de 300°C e sobreviveu!

Inspirações e paródias[editar | editar código-fonte]

Embora precedido em estilo por outros assassinos fictícios com máscara (Michael Myers, em Halloween, e Leatherface, em O Massacre da Serra Elétrica), Jason obviamente foi mais famoso, e inspirou ainda outros personagens:

  • Rickster, personagem do jogo Splatterhouse. A semelhança com Jason era tão tremenda que quando publicado em terras norte-americanas, a Sega lançou a capa do jogo com Rickster com máscara de caveira, em vez da máscara de hóquei, para evitar processos.
  • Em Stan Helsing, Jason é satirizado como "Mason" ,vivido por Ken Kirzinger .
  • Em Bloody Murder, Jason é satirizado como "Trevor Moorehouse", que vive em "Placid Pines" que foi forçado a se afogar no lago.
  • Em Urban Chaos, alguns inimigos do jogo usam máscaras de hóquei.
  • No desenho animado O Fantastico Mundo de Bobby, o episódio "Bobby e a Babá" (Adventures in Bobby Sitting) faz a paródia do Sexta Feira 13 como o personagem Mason que, ao invés de usar da tradicional faca machete de caça, utiliza um desentupidor de cano.
  • Em Resident Evil 4 é parodiado como Dr. Salvador, uns dos minis chefes do game que usa um saco na cabeça, como Jason em Sexta-Feira 13 - Parte 2.
  • No seriado Todo Mundo Odeia o Chris ele aparece no sonho de Chris perguntando onde fica a mata mais próxima. Porém como Chris estava usando suas meias da sorte e ser Quinta-feira 12, Jason não lhe faz nenhum mal.
  • Em Ilha dos Desafios, aparece o "Psicopata Assassino Foragido com a Serra Elétrica e o Gancho" que possui uma máscara semelhante à de Jason Voorhees e uma serra elétrica semelhante à de Leatherface.
  • Em 2000 e 2001 o rapper Eminem usava a famosa mascara e uma serra eletrica em referência à Jason.
  • No Remake da série de jogos Streets of Rage, foi introduzido um novo inimigo, Slash - o qual também aparece no artwork da capa oficial do primeiro jogo da série, sendo chutado no rosto por Blaze Fielding. Ele também usa uma máscara de hóquei e pode usar facas em combate, dando-lhe aparência e estilo de luta similar a Jason.
  • No jogo Ragnarok Online vemos a mascara com nome de Mascara de Mason ela é igual a do Jason .
  • No jogo de Arcade Ninja Master, a abertura mostra um dos heróis ninjas lutando com um dos capangas, que faz uso da máscara de Jason.
  • No jogo Kid Chameleon, feito para o Sega Genesis, há um personagem no qual Kid se transforma chamado Maniaxe. Este possui a mesma vestimenta de Jason, incluindo a máscara de hóquei, e ataca lançando infinitos machados.
  • O primeiro filme da série foi dirigido por Sean S. Cunningham, "criador" do personagem. Cunningham também dirigiu o último filme da série, Sexta Feira Parte IX, gerando a piada de que somente quem criou Jason pode matá-lo.
  • No jogo Zombies Ate My Neighbors do Super Nintendo, em algumas fases é possível encontrar um inimigo com o porte e uma máscara de hóquei muito parecidos com os de Jason, e usando uma serra elétrica como o Leatherface, curiosamente é um dos únicos inimigos praticamente indestrutíveis do jogo.
  • No jogo Dead Island há um personagem que usa um facão, uma máscara de hóquei e se chama Jason. Ele é um NPC extremamente poderoso podendo matar o jogador com um único golpe. Porem no jogo ele fala, frases completas. Tanto uma referência como uma paródia.
  • No mangá Tokyo Ghoul existem diversas referências à série bem como uma personagem com o "apelido" Jason na qual também utiliza máscara de hóquei.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]