Jean-Baptiste Charcot

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jean-Baptiste Charcot
Nome completo Jean-Baptiste Charcot
Nascimento 15 de julho de 1867
Neuilly-sur-Seine, França
Morte 16 de setembro de 1936
no mar, fora da Islândia
Nacionalidade Francês
Cônjuge Jeanne Hugo
Ocupação Explorador polar, doutor

Jean-Baptiste Charcot (15 de julho de 1867 – 16 de setembro de 1936), nasceu em Neuilly-sur-Seine, foi um cientista francês, doutor médico e cientista polar. Seu pai foi o neurologista Jean-Martin Charcot (1825–1893).

A Ilha de Adelaide vista do oeste. Jean Charcot. "El "Pourquoi-Pas?" en el Antártico". Madrid 1921.

Jean-Baptiste Charcot foi indicado líder da Expedição Antártica Francesa com o navio Français explorando a costa oeste da Terra de Graham de 1904 até 1907. A expedição alcançou a ilha Adelaide em 1905 e tirou fotos do Arquipélago Palmer e da Costa Loubet. De 1908 a 1910, uma outra expedição seguiu o navio Pourquoi-Pas, explorando o Mar de Bellingshausen e o Mar de Amundsen e descobrindo a Terra de Loubet, a Baía Marguerite e a Ilha Charcot, que recebeu o nome de seu pai, Jean-Martin Charcot.[1]

Mais tarde, Jean-Baptiste Charcot explorou Rockall em 1921, e a Groenlândia oriental e Svalbard, de 1925 a 1936. Morreu quando o Pourquoi-Pas? foi destroçado em uma tempestade fora da costa da Islândia em 1936. Um monumento à Charcot foi criado em Reykjavík, Islândia pelo escultor Ríkarður Jónsson em 1952.

Tábua em memória de Jean-Baptiste Charcot. Ittoqqortoormiit, Groenlândia

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Haas LF. (October 2001). "Jean Martin Charcot (1825-93) and Jean Baptiste Charcot (1867-1936)". J. Neurol. Neurosurg. Psychiatr. 71 (4): 524. PMID 11561039. and here.
  • Le "Pourquoi pas?" dans l'Antarctique 1908-1910, Arthaud, Paris, 1996, ISBN 2-7003-1088-8

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]