Jean-Delphin Alard

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jean-Delphin Alard
Informação geral
Nascimento 8 de março de 1815
Local de nascimento Baiona
 França
Data de morte 22 de fevereiro de 1888 (72 anos)
Local de morte Paris
Gênero(s) música clássica
Ocupação(ões) pedagogo, violinista, compositor
Instrumento(s) violino
Instrumento(s) notável(eis) Violino
Antonio & Girolamo Amati 1603
Nicolò Amati 1645
Alard Amati 1649
Alard–Baron Knoop Stradivarius 1715
Messiah Stradivarius 1716
Alard Guarneri del Gesù 1742
Jean-Baptiste Vuillaume cópia do Alard Strad 1860

Jean-Delphin Alard (Baiona, 8 de março de 1815  — Paris, 22 de fevereiro de 1888) foi um violinista e compositor francês.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Alard era filho de um violinista amador. A partir de 1827, foi aluno de François Antoine Habeneck no Conservatório de Paris, onde sucedeu Pierre Baillot como professor, em 1843, mantendo o posto até 1875. Foi também aluno de François-Joseph Fétis e sucedeu Baillot como primeiro-violinista do Rei, em 1840. Suas composições fizeram grande sucesso na França, enquanto que sua escola de violino tinha grande procura e fama.

Foi um representante da moderna escola francesa de violino. Compôs noturnos, duetos, estudos, etc., para violino, e foi o autor de uma Ecole du violon, que foi adotada pelo Conservatório. Pablo de Sarasate esteve entre seus alunos. Uma menção também deve ser feita à sua edição em quarenta partes de uma seleção de composições para violino dos mais eminentes mestres do século XVIII, Les Maitres classiques du violon (Schott). Alard morreu em Paris. Jean-Delphin Alard era genro de Jean-Baptiste Vuillaume.

Referências

Wikisource  "Alard, Jean Delphin". Encyclopædia Britannica (11th). (1911). Ed. Chisholm, Hugh. Cambridge University Press. 


Ligações externas[editar | editar código-fonte]