Jean Vilar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Jean Vilar (Sète, 25 de março de 1912 - 28 de maio de 1971) foi um ator e diretor francês. Foi uma das figuras mais influentes no teatro francês contemporâneo.

Fundou o Théatre National Populaire (1951), que dirigiu até 1963 e teve grande papel na modernização do gosto e na formação de novos valores. Aluno de Charles Dullin, montou "A dança da morte", de August Strindberg e "Murder in the cathedral", de Thomas Stearns Eliot.

A partir de 1963 produziu independentemente espetáculos de teatro e de ópera por toda a Europa.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.