Jeep Commander

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jeep Commander
Jeep Commander.jpg
Visão Global
Produção 2006-2010
Fabricante Chrysler, grupo DaimlerChrysler
Modelo
Carroceria utilitário esportivo
Modelos relacionados
GMC Envoy
Mercury Mountaineer
Toyota 4Runner
Último
Último
Próximo
Próximo


O Jeep Commander (XK) é um SUV, de tamanho médio, produzido a partir de 2006 a 2010. A primeira utilização do nome Commander num veículo de passageiros foi com o popular Studebaker Commander que foi produzido a partir de 1920 até 1966. O Jeep Commander foi introduzido pela primeira vez em 2005, no New York Auto Show . Enquanto na produção, foi vendido como Jeep Grand Cherokee de 7 passageiros. O estilo do Commander era muito mais quadradão que o do Grand Cherokee, com um pára-brisa quase na vertical e vidros quadrados nas laterais. Ele apresentava um teto escalonado para os bancos da segunda e da terceira fileira (que foram montados mais altos do que os assentos da primeira linha), e, como a GMC Envoy XL e Chevrolet TrailBlazer EXT, este desnível foi habilmente disfarçado pelo rack de teto. Outra característica interessante foi as três tetos solares chamados de "Command View". O Commander veio com o pacote opcional de entretenimento que inclui um leitor de DVD, TV, e câmara de estacionamento traseira. Jeep é a quarta empresa a produzir um veículo chamado de Commander, depois do Commander Studebaker, o Commander Scammell e o Commander da Mahindra. Enquanto o Jeep Wagoneer foi a inspiração inicial do Commander, que foi construída sobre a WK Grand Cherokee e assemelhava-se à terceira geração descontinuado Jeep Cherokee (XJ) , bem como a segunda geração do KK Jeep Liberty.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.