João Martins Bonilha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

João Martins Bonilha foi um bandeirante.

Integrou a famosa bandeira de João Mendes Geraldo. Sua família é descrita por Silva Leme no volume VII, página 272 de sua Genealogia Paulistana.

Era filho de André Martins Bonilha[1] , espanhol vindo ao Brasil na armada de Diogo Flores de Valdés em 1583, que participou de muitas bandeiras e ocupou vários cargos do governo em São Paulo e faleceu no sertão em 1613, e de Justa Maciel[2] , filha de João Maciel e de Paula Camacho, tronco dos Macieis em São Paulo[3] .

Casou-se em São Paulo, no ano de 1639 com Adriana Barreto[4] , filha de Diogo Barbosa do Rego, natural de Portugal e falecido em Guaratinguetá em 1661 e de Branca Raposo[5] ; morreu com geração em 1658. Teve dois filhos legítimos e um natural:

  • Diogo Barbosa do Rego[4] , casado com Maria Rodrigues, filha de João Pires e de Mécia Rodrigues;
  • João Martins Bonilha[6] , casado com Maria Correia de Moraes, filha de Lourenço Correia de Lemos e de Rufina de Moraes.

E em solteiro, teve a filha:

  • Maria Martins Bonilha[7] , casada com Antônio Barreto.

Referências

  1. Bartyra Sette e Regina Moraes Junqueira. Inventário de André Martins Bonilha Projeto Compartilhar. Página visitada em 21 de junho de 2014.
  2. Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva LemeGenealogia Paulistana, Tít. M. Bonilhas, Vol. VII, pág. 267
  3. Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva LemeGenealogia Paulistana, Tít. Macieis, Vol. VIII, pág. 150 e 151
  4. a b Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva LemeGenealogia Paulistana, Tít. M. Bonilhas, Vol. VII, pág. 272
  5. Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva LemeGenealogia Paulistana, Tít. Raposos Góes, Vol. III, pág. 10
  6. Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva LemeGenealogia Paulistana, Tít. M. Bonilhas, Vol. VII, pág. 276
  7. Pedro Taques/Luíz Gonzaga da Silva Leme, Genealogia Paulistana, Tít. M. Bonilhas, Vol. VII, pág. 286
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.