João Santana (político)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
João Santana
João Santana
Ministro da Integração Nacional do  Brasil
Período 31 de março de 2010
até 1 de janeiro de 2011
Antecessor(a) Geddel Vieira Lima
Sucessor(a) Fernando Bezerra Coelho
Vida
Nascimento
Bahia
Nacionalidade  Brasil

João Reis Santana Filho (Bahia) é um político brasileiro. Foi ministro da Integração Nacional do Brasil a partir de 31 de março de 2010, substituindo a Geddel Vieira Lima, até o final do Governo Lula em 1 de janeiro de 2011.

Biografias[editar | editar código-fonte]

Ele é formado em engenharia elétrica pela Escola de Engenharia Eletromecânica da Bahia. No Ministério da Integração Nacional, Santana ocupou o cargo de secretário de Infraestrutura Hídrica, que assumiu em maio de 2007.

João Reis Santana Filho foi professor de Medidas Elétricas na Escola de Engenharia Eletromecânica da Bahia; chefe de Manutenção Geral do Complexo Hidroelétrico da Central do Funil; secretário municipal de Serviços Públicos de Salvador; superintendente do INSS na Bahia; presidente da Companhia de Habitação do Estado da Bahia (URBIS); e presidente da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). Ele presidiu também a seção baiana da Fundação Ulysses Guimarães, do PMDB, além de ter sido delegado nacional e presidente do diretório estadual baiano do partido.[1]

Referências


Precedido por
Geddel Vieira Lima
Ministro da Integração Nacional do Brasil
2010 — 2011
Sucedido por
Fernando Bezerra Coelho


Ícone de esboço Este sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.