Joaquim Nabuco (Pernambuco)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Joaquim Nabuco
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 4 de junho
Fundação 9-11-1892
Gentílico nabuquense
Prefeito(a) João Nascimento de Carvalho (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Joaquim Nabuco
Localização de Joaquim Nabuco em Pernambuco
Joaquim Nabuco está localizado em: Brasil
Joaquim Nabuco
Localização de Joaquim Nabuco no Brasil
08° 37' 26" S 35° 31' 58" O08° 37' 26" S 35° 31' 58" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Mata Pernambucana IBGE/2008[1]
Microrregião Mata Meridional Pernambucana IBGE/2008[1]
Região metropolitana Recife
Municípios limítrofes norte: Bonito (Pernambuco) e Cortês; sul: Água Preta e Palmares; leste: Água Preta e Ribeirão (Pernambuco) e oeste: Palmares
Distância até a capital 95 6 574 km
Características geográficas
Área 121,884 km² [2]
População 16 056 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 131,73 hab./km²
Altitude 152 m
Clima Tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,554 baixo PNUD/2010[4]
PIB R$ 109 555 mil IBGE/2011[5]
PIB per capita R$ 6 950 60 IBGE/2011[5]
Página oficial

Joaquim Nabuco é um município brasileiro do estado de Pernambuco. O município é formado pelo distrito sede e pelos povoados de Usina Pumati, Arruado e Baixada da Areia.


História[editar | editar código-fonte]

O povoamento na região deu-se através dos trabalhadores dos engenhos Pumaty, Boa Vista e Cuiabá, que foram construindo suas palhoças, as casas e a capela. Entre os tarbalhadores, destaca-se a liderança de José Maria da Rocha, que era seu porta-voz. Inicialmente o povoado denominava-se Preguiça. Esta denominação é atribuída às embaúbas ou "pau-de-preguiça" da região. Entretanto, há registro de que a origem do nome seria devido ao dia da feira: segunda-feira, que era considerado o dia da preguiça. As autoridades locais solicitaram a mudança de nome para homenagear Joaquim Nabuco.

O distrito foi criado em 9 de novembro de 1892 e pertencia ao município de Palmares. Elevado à categoria de município com a denominação de Joaquim Nabuco, pela lei estadual nº 1819, de 30 de dezembro de 1953, e instalado em 15 de maio de 1954.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 08º37'28" sul e a uma longitude 35º32'00" oeste, estando a uma altitude de 152 metros. Sua população estimada em 2007 era de 15.953 habitantes.

Possui uma área de 122 km².

O relevo do município é parte da unidade das Superfícies Retrabalhadas, com relevo bastante dissecado e vales profundos. Constitui um “mar de morros” que anteriores à Chapada da Borborema. Os topos planos possuem latossolos profundos. Nas vertentes íngremes dominam os solos Podzólicos de profundidade rasa a média e nos vales predominam os Gleissolos de Várzea (solos orgânicos e encharcados). A vegetação nstiva é composta por Florestas Subperenifólias, com partes de Florestas Hipoxerófilas.

O município de Joaquim Nabuco encontra-se inserido nas Bacias Hidrográficas dos Rios Una e Sirinhaém.

A precipitação média anual é de 1309,9 mm.

A atividade econômica predominante é a agroindústria açucareira. Na agricultura, prevalecem a cana-de-açúcar, mandioca, banana e maracujá. Na pecuária sobressaem o rebanho bovino e as aves.

O Índice de Desenvolvimento Humano Municipal-IDH-M- é de 0,614, situando município em 99o no ranking estadual e em 4417o no Brasil.

Fontes[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 de dezembro de 2010.
  3. Censo Populacional 2013. Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (outubro de 2013). Página visitada em 29 de outubro de 2013.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 01 de outubro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2011. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 18 de dezembro de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.