Joe DiMaggio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Baseball pictogram.svg Joe DiMaggio
DiMaggio cropped.jpg
Informações pessoais
Nome completo Joseph Paul "Joe" DiMaggio
Data de nasc. 25 de novembro de 1914
Local de nasc. Martinez, Califórnia, Estados Unidos Estados Unidos
Falecido em 8 de março de 1999 (84 anos)
Local da morte Hollywood, Flórida
Informações profissionais
Número 5
Posição Center fielder
Rebate Direito
Lança Direito
Clubes principais
(1936–1942) & (1946-1951) Estados Unidos New York Yankees

Joseph Paul "Joe" DiMaggio (Martinez, Califórnia, 25 de novembro de 1914  — Hollywood, 8 de março de 1999) foi um jogador de beisebol norte-americano que jogou no New York Yankees na MLB. Ele foi eleito para o salão da fama do beisebol em 1955. Ele é o irmão do meio dos também jogadores Vince e Dom.

Nascido Giuseppe Paolo DiMaggio Jr. numa família ítalo-americana, seus pais Giuseppe Di Maggio e Rosalia Mercurio eram da localidade de Isola delle Femmine, Sicília[1]

DiMaggio foi nomeado três vezes MVP da MLB e foi selecionado treze vezes para o All-Star Game (o único jogador a ser selecionado para o Jogo das Estrelas em todas as temporadas em que atuou). Na sua aposentadoria, era o quinto maior rebatedor de home runs na história das grandes ligas com 361 HRs e o sexto em slugging percentage, com 57,9%. Ele é mais conhecido por sua sequência de 56 jogos com pelo menos uma rebatida (de 15 de maio a 16 de julho de 1941), que ainda é recorde na MLB.[2] Joe DiMaggio se aposentou em 1951 como um dos melhores jogadores de todos os tempos do Yankees.

Em 1969, por sua conduta impecável, recebeu o prêmio dos profissionais do beisebol e foi eleito o maior esportista vivo.[3]

Outro fato que o tornou famoso, foi o seu curto casamento com a atriz Marilyn Monroe, em 1954.

Fumante ativo durante boa parte da sua vida, DiMaggio foi perto do fim da vida diagnosticado com câncer no pulmão. Em outubro de 1998, foi submetido a uma cirurgia para retirada de um tumor e ficou 99 dias sob terapia intensiva. Apesar da alta, DiMaggio nunca se restabeleceu completamente após a operação e não apresentava condições para se submeter a um tratamento quimioterápico. Faleceu em 1999.[4] O corpo de DiMaggio foi enterrado em Martinez, na Califórnia, sua cidade natal.

Números e honrarias[editar | editar código-fonte]

Túmulo de Joe DiMaggio em Colma, California
Estatísticas
Prêmios
  • 13× selecionado para o All-Star (1936, 1937, 1938, 1939, 1940, 1941, 1942, 1946, 1947, 1948, 1949, 1950, 1951);
  • 9× campeão da Série Mundials (1936, 1937, 1938, 1939, 1941, 1947, 1949, 1950, 1951);
  • 3× LA MVP (1939, 1941, 1947);
  • Recorde da MLB com 56 jogos consecutivos com rebatidas válidas;
  • Camisa aposentada no New York Yankees (#5);
  • Time do século da Major League Baseball;

Referências

  1. Joe Di Maggio rinuncia alla Sicilia, Corriere della Sera, 26 de abril de 1993.
  2. Arbesman, Samuel. "Uma jornada ao universo alternativo do Beisebol", 30 de março de 2008.
  3. Callahan, Gerry (19 de julho de 1999). Hank ou Ted ou Willie ou...:Quem é o melhor jogador de beisebol vivo agora que Joe DiMaggio se foi?. Sports Illustrated. Página visitada em 16 de setembro de 2009.
  4. Berkow, Ira. "Sports of The Times; DiMaggio, Failing, Is 84 Today", The New York Times, 25 de novembro de 1998. Página visitada em 25 de maio de 2009.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Joe DiMaggio