Johannes Aurifaber (Vimariensis)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Johannes Aurifaber
Placa comemorativa na Haus Markt 6, em Wittenberg.
Nascimento 1519
Weimar
Morte 18 de novembro de 1575 (56 anos)
Erfurt
Ocupação teólogo, reformador

Jo(h)annes Aurifaber (também: Goldschmied; Weimar, 1519 – Erfurt, 18 de novembro de 1575) foi um teólogo luterano e reformador alemão. Muitas vezes assinava seu nome como Vimariensis ou Vinariensis (de Weimar) para distinguir-se do companheiro teólogo contemporâneo Johannes Aurifaber Vratislaviensis (de Breslávia).

Vida[editar | editar código-fonte]

Ele estudou de 1537 a 1540 na Universidade de Wittenberg, onde ouviu as palestras de Martinho Lutero, e mais tarde tornou-se professor do jovem Conde de Mansfeld. Na guerra de 1544-45 acompanhou o exército no campo de batalha prestando serviço de assistência religiosa, e depois viveu com Lutero como seu famulus ou secretário particular, estando presente por ocasião de sua morte, em 1546.[1]

No ano seguinte, passou seis meses na prisão junto com João Frederico I da Saxônia, que tinha sido capturado pelo imperador, Carlos V. Manteve por alguns anos o cargo de pregador da corte em Weimar, mas devido a disputas teológicas foi obrigado a demitir-se deste cargo em 1561. Em 1566 foi nomeado para a igreja luterana em Erfurt, e lá permaneceu até sua morte, em novembro de 1575.[1]

Além de participar da primeira coleta ou edição de Jena das obras de Lutero (1556), Aurifaber reuniu e publicou em Eisleben em 1564-1565 vários escritos não incluídos nessa edição. Publicou também as "Cartas" de Lutero (1556, 1565), e Tischreden (1566). Este trabalho popular, que lhe deu a maioria de sua fama, é, infelizmente, uma compilação de segunda ou terceira mão.[1]

Notas

  1. a b c Encyclopædia Britannica (1911) entrada para Aurifaber' (em inglês), volume 2, páginas 925-926

Referências

Wikisource  "Aurifaber". Encyclopædia Britannica (11th). (1911). Ed. Chisholm, Hugh. Cambridge University Press.