John Dominic Crossan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
John Dominic Crossan

John Dominic Crossan (nascido em Nenagh, Condado de Tipperary, Irlanda em 1934)[1] é um teólogo conhecido por ser o co-fundador do controverso Jesus Seminar. Crossan é uma figura importante no campo da arqueologia bíblica, antropologia, Novo Testamento e Alta Crítica. Ele é também conhecido por ter aparecido na televisão em documentários sobre Jesus e a Bíblia. Ele é especialmente influente no campo dos estudos sobre o Jesus histórico, embora receba muitas críticas por parte de outros estudiosos por causa de sua metodologia. Ele é casado com Sarah, mas não possui filhos biológicos. Ela teve dois filhos e 5 netos. Entre 1950 e 1969, foi membro da Ordem dos Servos de Maria (servitas), uma ordem religiosa da Igreja Católica[1] . Largou o ofício religioso por querer se casar e devidos aos constantes conflitos que tinha com o arcebispo cardeal de Chicago.

Religioso Católico[editar | editar código-fonte]

  1. entre 1950 e 1969, foi membro da Ordem dos Servos de Maria (servitas), uma ordem religiosa da Igreja Católica, tendo sido ordenado sacerdote em 1957;
  2. em 1959 recebeu o Doutorado em Divindade no St Patrick's College (Maynooth) (Irlanda)[2] ;
  3. entre 1959 e 1961 estudou no Pontifício Instituto Bíblico em Roma;
  4. entre 1965 e 1967 estudou na Escola Bíblica de Jerusalém[1] [3] .

Carreira Acadêmica[editar | editar código-fonte]

  1. entre 1969 e 1995 integrou o corpo docente da DePaul University, em Chicago[2] ;
  2. entre 1985 e 1996 foi co-presidente do Jesus Seminar;
  3. entre 1972 e 1976 presidiu o Seminário Parábolas;
  4. entre 1980 e 1986 foi editor da "Semeia"[4] uma publicação de crítica bíblica;
  5. entre 1993 e 1998 foi presidente da Seção Jesus Histórico da Sociedade de Literatura Bíblica, uma associação internacional para o estudo acadêmico da Bíblia com sede nos Estados Unidos;
  6. recebeu prêmios de excelência acadêmica da Academia Americana de Religião, em 1989; da DePaul University, em 1991 e em 1995; e um doutorado honorário da Stetson University (DeLand, Flórida), em 2003[1] [3] .

Obra[editar | editar código-fonte]

Escreveu 27 livros que abordam principalmente o Jesus Histórico, o Apóstolo Paulo e o Cristianismo Primitivo. O núcleo acadêmico de sua obra é a trilogia de "O Jesus Histórico: A Vida de um Camponês Judeu no Mediterrâneo" (1991)[5] , "O Nascimento do Cristianismo" (1998)[6] e "Em Busca de Paulo" (2004), em co-autoria com o arqueólogo Jonathan L. Reed[7] . Também merecem destaque os livros que escreveu em conjunto com Marcus Borg: "A Última Semana, um Relato Detalhado dos Dias Finais de Jesus" (2006)[8] [9] , "O Primeiro Natal" (2007)[10] e "The First Paul: Reclaiming the Radical Visionary Behind the Church's Conservative Icon" (2009)[11] [1] [3] .

No livro "A Última Semana, um Relato Detalhado dos Dias Finais de Jesus", utiliza o Evangelho de Marcos como fonte para defender a tese de que Jesus foi um radical que morreu na cruz não para redimir nossos pecados, mas para servir de modelo de combate ao mal. E o mal, tanto poderia ser o antigo Império Romano quanto qualquer governo que oprima um povo por meio da política ou da exploração econômica. Trata-se de um ponto de vista polêmico, pois se opõe a tese mais aceita entre os cristãos que afirma que Jesus morreu pelos pecados do mundo[9] .

Referências

  1. a b c d e BIOGRAPHICAL SUMMARY, em inglês, acesso em 31 de março de 2013
  2. a b http://www.depaul.edu/university-catalog/colleges-and-schools/class/departments/religious-studies/Pages/faculty.aspx, em inglês, acesso em 31 de março de 2013
  3. a b c John Dominic Crossan, em inglês, acesso em 31 de março de 2013.
  4. SEMEIA JOURNAL, em inglês, acesso em 31 de março de 2013.
  5. O Jesus Histórico: A Vida de um Camponês Judeu no Mediterrâneo, acesso em 31 de março de 2013
  6. O Nascimento do Cristianismo: o Que Aconteceu nos Anos que se Seguiram à Execução de Jesus, acesso em 31 de março de 2013
  7. EM BUSCA DE PAULO, acesso em 31 de março de 2013
  8. A Última Semana, um Relato Detalhado dos Dias Finais de Jesus, acesso em 31 de março de 2013
  9. a b Jesus foi um radical. O livro "A Última Semana’, acesso em 05 de abril de 2013
  10. O Primeiro Natal, acesso em 31 de março de 2013
  11. The First Paul: Reclaiming the Radical Visionary Behind the Church's Conservative Icon, em inglês, acesso em 31 de março de 2013
Ícone de esboço Este artigo sobre Teologia ou sobre um teólogo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.