Joias do infinito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

As Joias do Infinito são artefatos da Marvel Comics. São em sua essência seis (6) seres sencientes imensamente poderosos, que são Espaço (púrpura), Mente (azul), Alma (verde), Realidade (amarelo), Tempo (laranja), Poder (vermelho). Originalmente (e erroneamente) chamadas de "Joias da Alma", as seis podem ser usadas em uníssono, inclusive unidas em uma luva, criada por Thanos, intitulada Manopla do Infinito, e fazer de seu portador um ser onipotente, capaz de controlar todo o universo.[1] Uma história posterior adicionou a existência de uma sétima joia, Ego (dourado), apesar dessa história não fazer parte da continuidade.

Lista de Joias[editar | editar código-fonte]

Abaixo temos uma relação das sete joias conhecidas e seus respectivos poderes:

Espaço (púrpura)[editar | editar código-fonte]

Permite ao portador existir em qualquer lugar (ou todos os lugares); mover qualquer objeto para qualquer parte através do universo e deformar ou rearranjar o espaço.

Principais Portadores: Peter Quill; Runner; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Raio Negro; Pantera Negra.Thor ( Cinturão de Megingjord )

Mente (azul)[editar | editar código-fonte]

Permite ao portador aumento infinito da capacidade mental e acessar pensamentos e sonhos de outros seres. Em fato, o poder da Joia permite acesso a todas as mentes existentes simultaneamente. Embora o poder da joia seja imenso, nem sempre o seu portador é capaz de dominá-lo totalmente. Devido ao fato de as mentes serem inúmeras em um determinado local que vai do micro universo de uma sala, até o macrocosmo de todas as mentes existentes em todos os mundos. Se o campo de abertura da leitura é efetuado simultaneamente para muitas mentes, trocas de pensamentos podem ocorrer, e dúvidas a respeito da origem do pensamento. O leitor também pode ser sugado pelo inconsciente coletivo das outras mentes.

Principais Portadores: Grandmaster; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Charles Xavier; Gustav Mean, Fera ( Henry "Hank" Philip McCoy).

Alma (verde)[editar | editar código-fonte]

Indescutilvelmente a mais perigosa, esta joia é senciente e se alimenta de almas. Permite ao portador roubar, manipular e alterar almas, dos vivos e dos mortos. Adam Warlock foi o guardião desta gema por muitos anos, sentindo a responsabilidade por muitas almas que ele mesmo tomou. Ironicamente, a joia é o portão para um pequeno e idílico universo.

Principais Portadores: In-Betweener; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Dr. Estranho.

Realidade (amarelo)[editar | editar código-fonte]

Talvez a mais poderosa, e a mais difícil de ser usada. Permite ao portador realizar qualquer desejo - mesmo que entre em contradição com as leis da física. Pode resultar em um desastre se o portador não for cuidadoso com a natureza do desejo.

Principais Portadores: Collector; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Homem de Ferro.

Tempo (vermelha)[editar | editar código-fonte]

Permite ao portador total domínio do tempo. Passado, presente e futuro são todos acessíveis e visíveis através de seu poder. Com treinamento suficiente no uso da joia, o tempo pode ser usado como uma arma, aprisionando inimigos ou mundo inteiros em infinitos ciclos de tempo.

Principais Portadores: Gardener; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Namor; Capitão América.

Poder (rosa)[editar | editar código-fonte]

Contém acesso a todo o poder e energia que existe ou possa vir a existir, e apoiada nas outras joias, tem seus poderes expandidos. Permite ao portador duplicar quase todas habilidades físicas, tornando-o invencível, além de imbatível quando usado o poder puro.

Principais Portadores: Champion; Thanos; Nebula; Adam Warlock; Magus; Rune; Loki; Sr. Fantástico.

Ego (dourado)[editar | editar código-fonte]

A sétima joia. Permite ao portador manipular energias dimensionais. Não é uma das joias originais, este artefato foi encontrado no ultraverso por Loki, irmão de Thor numa tentativa de roubar outras joias de seus portadores.

Principais Portadores: Loki

Nota: Antes dos eventos mostrados em "Desafio Infinito", a joia do Tempo era laranja e a joia do Poder era Vermelha. Atualmente, a joia do Tempo é vermelha e a joia do Poder é rosa (embora tenha aparecido com a cor azul quando foi usada pelo deus do trovão, Thor).

Outras Mídias[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

As Joias e a criação da Manopla aparecem durante a segunda temporada de The Super Hero Squad Show.

Videogames[editar | editar código-fonte]

Os jogos Marvel Super Heroes: War of the Gems e Marvel Super Heroes, inspirados na saga original da Manopla do Infinito, tem a recuperação das joias como parte integral da jogo.

Cinema[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A primeira aparição relacionada às Joias do Infinito foi no filme Thor, onde a Manopla do Infinito, artefato utilizado para comandar as joias, pode ser avistado rapidamente na sala de troféus de Odin, o que é intrigante, uma vez que, nas HQs, a manopla foi criada por Thanos.

Já primeira aparição efetiva de uma Joia do Infinito também ocorre no filme Thor, durante a cena pós-créditos Nick Fury conversa com Dr. Erik Selvig sobre um projeto secreto envolvendo o tesseract. Antes disso, o cubo pode ser visto desenhado em anotações de Howard Stark em Homem de Ferro 2 enquanto Tony Stark procura um novo elemento que substitua o paládio utilizado no reator Arc localizado em seu peito para evitar sua morte. Em Capitão América: O Primeiro Vingador, a trama se desenvolve em torno do Tesseract, o cubo encontrado no túmulo de Odin na Terra que guarda extremo poder, é utilizado pelo Caveira Vermelha para construir armas que possam ajuda-lo a conquistar o mundo. No filme Os Vingadores, o cubo novamente é peça chave na trama, revelando-se capaz de abrir portais (buracos de minhoca) que servem para viajar pelo universo. O Tesseract foi confirmado como a Joia do Espaço pelo produtor Kevin Feige.

No filme Thor: O Mundo Sombrio, Jane Foster acidentalmente encontra o Éter e acaba se tornando hospedeira do mesmo. Esta joia é um antigo artefato de destruição em massa, criado pelos Elfos Negros antes da criação do universo, mais especificamente por seu líder Malekith que quer utiliza-lo para transformar o universo em trevas novamente. No decorrer da trama, Odin revela que antes da criação do universo (Big Bang) existiam seis joias de grande poder e enquanto todas são parecidas com pedras, o Éter é fluído. Durante a cena pós-créditos vemos Sif e Volstagg entregando o Éter ao Colecionador, a justificativa dada por eles para se desfazer do artefato é que o Tesseract já está em Asgard e não seria inteligente guardar duas Joias do Infinito em um mesmo lugar. Primeiramente especulava-se que o Éter era a Joia do Poder, porém mais tarde foi confirmado que o Orbe seria a do poder, portanto especula-se que o Éter seja a Joia da Realidade ou a Joia do Tempo.

Em Guardiões da Galáxia, podemos ver a terceira joia, conhecida como Orbe e confirmada como a Joia do Poder. Durante o filme, quando a equipe leva a joia para o Colecionador, ele aprofunda a história contada por Odin, dizendo que o Orbe foi criado pelos Celestiais para impor-se sobre civilizações inimigas, portanto com o decorrer da história foram oprimidos pelo poder da joia e a esconderam dentro de um cofre localizado dentro de um templo no planeta Morag.

Especula-se que o cetro utilizado por Loki em Os Vingadores carrega a Joia da Mente, porém trata-se apenas de especulações já que não fica claro a origem e os reais poderes da arma. Durante a cena pós-créditos de Capitão América: O Soldado Invernal podemos ver Barão Wolfgang Von Strucker em sua base secreta da HYDRA realizando experimentos a partir do cetro dando origem à Feiticeira Escarlate e Mercúrio, que nos quadrinhos são mutantes e fazem parte dos X-men, mas, no Universo Marvel Cinematográfico, devido aos direitos autorais referente a palavra ‘mutante’ estarem ligados à Sony, a origem será recontada aumentando os rumores sobre o cetro ser uma das joias.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

As Jóias do Infinito também são mostradas no jogo War of the Gems (baseada na saga "Desafio Infinito") para SNES e Marvel Super Heroes.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da Marvel Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. http://garotasnerds.com/hqs/objetos-poderosos-das-hqs/