José Eduardo Rosa Vale e Castro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Zé Castro
Informações pessoais
Nome completo José Eduardo Rosa Vale Castro
Data de nasc. 13 de Janeiro de 1983 (31 anos)
Local de nasc. Coimbra,  Portugal
Altura 1,83 m
Informações profissionais
Clube atual Espanha Rayo Vallecano
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
2001-2002 Portugal Académica
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2002-2004
2003–2006
2006–2008
2008-2009
2009-2013
2013-
Portugal Académica B
Portugal Académica
Espanha Atlético Madrid
Espanha Deportivo de La Coruña (emp.)
Espanha Deportivo de La Coruña
Espanha Rayo Vallecano
0050 0000(9)
0055 0000(1)
0030 0000(2)
0029 0000(1)
0067 0000(0)
0000 0000(0)
Seleção nacional3
2004-2006
2006-2009
Portugal Portugal sub-21
Flag of Portugal.svg Portugal
0015 0000(1)
0001 0000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 1 de junho de 2013.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 10 de junho de 2009.

José Eduardo Rosa Vale e Castro, conhecido no mundo do futebol como Zé Castro (Coimbra, 13 de Janeiro de 1983), é um futebolista português que joga habitualmente a defesa central.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Académica de Coimbra[editar | editar código-fonte]

Tendo feito toda a formação na Académica, Zé Castro assume, na época 2005/2006 papel preponderante na equipa principal do clube, sendo mesmo capitão de equipa, apesar da sua juventude. Acabada a época 2005/2006 teve ofertas de vários clubes europeus (Celtic FC, Tottenham Hotspur, e Bayern Munich).

A sua saída do clube conimbricense ficou, no entanto, envolta em polémica depois de expirado o contrato dao que a Académica, via o seu Presidente na altura,José Eduardo Simões, não ter proposto a sua renovação

Quer a Associação Académica de Coimbra quer Zé Castro trocaram acusações através da comunicação social. O jovem defesa central português ameaçou, inclusivamente a Direcção da Académica com processo judicial por, na sua opinião, Simões faltar à verdade. José Eduardo Simões, presidente do Organismo Autónomo, exclamou, em Assembleia Geral, que "Zé Castro não quis renovar com a Académica, por querer ser o atleta mais bem pago do clube", facto prontamente desmentido pelo jogador.

Atlético Madrid[editar | editar código-fonte]

No final da época 2005/2006 assinou pelo Atlético Madrid, e impôs a sua qualidade, jogando quase a totalidade dos jogos e relegando para o banco, internacionais como Perea ou Pablo (Espanha e Colombia), chegando a marcar dois golos.

Deportivo de La Coruña[editar | editar código-fonte]

Pelos poucos jogos que efectuou pelo Atlético Madrid, no final da época 2007/2008, Zé Castro manifestou o desejo se sair do clube. A 7 de Julho de 2008 foi anunciado oficialmente como reforço do Deportivo de La Coruña, por empréstimo do Atlético Madrid.[1]

Selecção nacional[editar | editar código-fonte]

Desde muito cedo Zé Castro jogou com regularidade nas camadas jovens da selecção. Fez a sua estreia na Selecção Principal em Junho de 2009, num jogo particular com Seleção Estoniana de Futebol.

A 10 de Maio de 2010, e com apenas uma internacionalização pela Selecção, foi integrado na lista de 24 jogadores para representar a Selecção das Quinas no Campeonato do Mundo de 2010.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]