José de Madrazo y Agudo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
José de Madrazo y Agudo

José Madrazo y Agudo (Santander, 22 de abril de 1781Madrid, 8 de maio de 1859 foi um pintor espanhol tanto barroco como neoclassicista. Pai de Federico de Madrazo y Kuntz e avô de Raimundo de Madrazo y Garreta.

Nasceu em Santander, na Espanha, e estudou na Real Academia de Belas-Artes de São Fernando, a qual, posteriormente, dirigiu, em Roma e em Paris. Em Paris foi aluno de David d'Angers, pessoa que o viria a marcar profundamente durante a sua carreira artística.

Asistiu à passagem do Século das Luzes e do Barroco, da opulência e riqueza, para o século onde a industrialização vigora, onde tudo se torna mais fácil e se trabalha somente a pensar na simplicidade e funcionalismo, e, consequentemente, vários estilos artísticos se confundem e difundem.

Iniciou, lado a lado com José Aparício Inglada, a corrente pictórica histórica patriotica, uma corrente artísca neoclássica, com base em temas patriotistas.

Também cultivou o retrato e foi pintor de câmara de Carlos IV. Este facto vem situá-lo entre os melhores representantes da pintura neoclassica.

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.