Viagem ao Centro da Terra (1959)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde Setembro de 2008).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Journey to the Center of the Earth
Viagem ao Centro da Terra (PT/BR)
 Estados Unidos
1959 • cor • 132 min 
Direção Henry Levin
Produção Charles Brackett
Roteiro Walter Reisch
Charles Brackett
Elenco Pat Boone
James Mason
Arlene Dahl
Diane Baker
Thayer David
Peter Ronson
Robert Adler
Alan Napier
Mary Brady
Alan Caillou
Género ficção científica aventura
Idioma Inglês francês Italiano Russo islandês
Música Bernard Herrmann
Direção de arte Franz Bachelin
Herman A. Blumenthal
Figurino David Ffolkes
Cinematografia Leo Tover
Edição Stuart Gilmore
Jack W. Holmes
Lyle R. Wheeler
Estúdio Twentieth Century Fox Film Corporation
Cooga Mooga
Joseph M. Schenck Enterprises
Distribuição Estados Unidos Twentieth Century Fox Film Corporation
Lançamento Estados Unidos 16 de dezembro de 1959
Página no IMDb (em inglês)

Journey to the Center of the Earth (br/pt: Viagem ao Centro da Terra) é um filme estadunidense, do ano de 1959, dos gêneros ficção científica e aventura, dirigido por Henry Levin. O filme é baseado no livro homônimo de Júlio Verne.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O Professor Oliver Lindenbrook , um renomado geólogo da Universidade de Edinburgh, recebeu um pedaço de rocha vulcânica de um estudante, admirador seu, o jovem Axel McEwen . Este material chamou muito a atenção do professor que imediatamente submeteu o objeto a testes e descobriu que nele havia misteriosamente umas marcas feitas pela mão humana. No seu laboratório, o professor ao tentar derreter o pedaço de rocha, e para a surpresa de todos que estavam assistindo ao experimento, foi revelado que dentro do material havia um prumo de metal com inscrições reveladoras. Tratava-se dos últimos registros do cientista Arne Saknussem, desaperecido há muito tempo.

Tais inscrições mostravam um caminho através do centro da Terra que conduziam ao continente perdido de Atlântida. O professor Lindenbrook creu que através desse relato, Saknussem teria sido o primeiro ser humano a realizar tal façanha, chegando a um lugar onde nenhum outro humano jamais esteve.

Lindenbrook envia o que descobriu a um outro pesquisador, o Professor Göteborg de Estocolmo . Mas, para a surpresa de Lindenbrook, Göteborg desaparece com os dados enviados a ele e inicia, por conta própria, uma expedição à Islândia, para onde apontavam as coordenadas deixadas por Saknussem.

Lindenbrook, furioso com a atitude de Göteborg, parte com o seu aluno, Axel, para a Islândia também. Ao chegarem lá são interceptados por um ajudante de Göteborg, que os aprisiona em um celeiro longe da capital Reykjavik. Nesse lugar, encontram um camponês chamado Hans Belker e sua simpática pata de estimação, chamada Gertrude. Hans liberta os dois e passa a ser o seu guia até a capital, bem como um grande colaborador. É um homem alto e muito forte.

Ao chegarem a Reykjavik tomam conhecimento da morte do Professor Göteborg. Ele havia sido assassinado. Em seguida, surge a esposa do falecido Professor, Carla Göteborg . Em um primeiro momento ela se desentende com o Professor Lindenbrook ao revelar-lhe o golpe traiçoeiro que Göteborg aplicou. No entanto, ao ler o diário de seu esposo, a viúva percebe o erro que ele cometeu e oferece uma proposta a Lidenbrock: todos os apetrechos que Göteborg havia adquirido para realizar sua jornada seriam doados ao Professor se este a levasse consigo na ousada expedição.

Relutante, Lindenbrook aceita que a viúva parta com eles, pois, dentre outras coisas, ela era a única pessoa que poderia compreender bem o que falava o gigantesco e útil Hans .

Assim, a expedição parte ao centro da Terra com o número de quatro destemidos: Lindenbrock, Axel, Hans, a viúva Carla Göteborg e a pata Gertrude.

À medida que imergem nos interiores da Terra, os problemas também vão aumentando. Lá surge a ameaça do Conde Saknussem , um nobre da região que é descendente direto do explorador Arne Saknussem. Sua intenção é a de tomar posse da descoberta de seu antepassado e ficar com os créditos, pois acha que isso lhe é um direito legítimo.

A jornada acarreta perigos diversos: altas temperaturas, falta de oxigênio, regiões cujo solo é composto apenas de sal, seres gigantescos e altamente perigosos, provavelmente remanescentes de um período pré-histórico. No entanto, há também muitas maravilhas, como fontes de água pura, cristais reluzentes e multicoloridos, cogumelos comestíveis gigantes e até mesmo um mar interno, com direito a redemoinho e tempestade.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

O mar no centro da terra.
Nome Personagem
Pat Boone Alexander 'Alec' McKuen
James Mason Sir Oliver S. Lindenbrook
Arlene Dahl Carla Göteborg
Diane Baker Jenny Lindenbrook
Thayer David Conde Saknussem
Peter Ronson Hans Belker
Robert Adler Groom
Alan Napier Dean
Mary Brady Kirsty
Alan Caillou Reitor
John Epper Noivo
Edith Evanson Estalajadeiro
Alex Finlayson Professor Bayle
Mollie Glessing Vendedor de jornais
Frederick Halliday Chanceler
Kendrick Huxham Jornalista escocês
Owen McGiveney Lojista
Molly Roden Governanta
Ivan Triesault Professor Peter Göteborg
Red West Universitário
Ben Wright Paisley
Peter Wright Proprietário de Glendarick

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • Às vezes, em algumas mídias e literaturas o nome do Professor Lindenbrook varia de formas, tais quais: Prof. Lidenbrock, Prof. Otto Lindenbrock, Professeur Lidenbrock e Professor Oliver Lindenbrook. São variações sutis, mas que se referem ao mesmo personagem.
  • A mesma variação descrita acima ocorre com o personagem Conde Saknussem: Arne Saknussemm e Prof. Arnold Saknussemm ou Saccnusson. Embora Arne Saknussemm seja o nome do antepassado do conde, que é apenas mencionado no filme.

Outros nomes do filme[editar | editar código-fonte]

Nome País(es)
Die Reise zum Mittelpunkt der Erde Alemanha Ocidental / Áustria
Leyndardómar Snæfellsjökuls Islândia
Matka maan keskipisteeseen Finlândia
Rejsen til jordens indre Dinamarca
Resan till jordens medelpunkt Suécia
Taxeidi sto kentro tis Gis Grécia
Viaggio al centro della terra Itália
Viaje al centro de la tierra / Viatge al centre de la terra Espanha (espanhol/catalão)
Voyage au centre de la terre França

Premiações[editar | editar código-fonte]

Óscar
Categoria Melhor Direção de Arte/Decoração de Set Lyle R. Wheeler, Franz Bachelin, Herman A. Blumenthal, Walter M. Scott e Joseph Kish
Categoria Melhor Efeito Visual L.B. Abbott e James B. Gordon
Categoria Melhor Efeito de Som Carlton W. Faulkner
Categoria Melhor Som Carlton W. Faulkner
Laurel Awards
Categoria Prêmio Golden Laurel 2º Lugar Melhor Ação Dramática

Referências

  1. a b IMDB Awards (em inglês) IMDb.com.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.