Judas de Jerusalém

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Judas, dito Kyriakos, também conhecido popularmente como Judas de Jerusalém, era o bisneto de Judas, irmão de Jesus e o último bispo de Jerusalém de origem judaica de acordo com Epifânio de Salamina[1] e Eusébio de Cesareia[2] .

Não sabemos a data do início de seu episcopado, mas acredita-se que Judas tenha vivido até depois da Revolta de Bar Kokhba (132 - 136 d.C.), pelo menos até o décimo-primeiro ano do reinado de Antonino Pio (ca. 148 d.C.). Porém, há uma contradição nestas datas, pois Marcos foi apontado como bispo de Élia Capitolina em 135 d.C. pelo bispo metropolitano de Cesareia Marítima.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Judas de Jerusalém
(??? - 135)
Precedido por: PatriarchsCross.svg
Lista sucessória dos patriarcas de Jerusalém
Sucedido por:
José I 15.º Marcos


Referências

  1. Epifânio de Salamina. In: Frank Williams (trad.). Panarion (em inglês). [S.l.]: Brill Academic Pub. Capítulo: xi. , vol. I. ISBN 90-04-07926-2
  2. Eusébio de Cesareia. In: tr. A. G. Williamson. História Eclesiástica: Sumário do Apêndice A (em inglês). [S.l.]: Penguin Books, 1965. ISBN 0-14-044535-8