Juvenal Lamartine

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Juvenal Lamartine de Faria (Serra Negra do Norte, 9 de agosto de 1874Natal, 18 de junho de 1956) foi um advogado, jornalista, magistrado e político brasileiro.

Foi governador do Rio Grande do Norte[1] por dois anos e nove meses, sendo destituído do cargo após a vitória da Revolução de 1930 comandada por Getúlio Vargas, que depôs todos os governadores eleitos na época, inclusive os revolucionários. Exilou-se na Europa, retornando ao estado já no governo de Rafael Fernandes.

Foi também senador de 1927 a 1928 e deputado federal de 1906 a 1926.

Referências

  1. IAPHACC (em português) www.culturanatal.com.br. Visitado em 26 de junho de 2009.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
José Augusto Bezerra de Medeiros
Governador do Rio Grande do Norte
1928 — 1930
Sucedido por
Luís Tavares Guerreiro


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.