Kamchiya

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde novembro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Rio Kamchiya (Камчия)
Rio Kamchiya
Bacia do Kamchiya
Bacia do Kamchiya
Comprimento 244,5 km
Nascente Monte Aytos-Karnobat
Altitude da nascente 710 m
Caudal máximo 26 287 m³/s (Foz)
Caudal mínimo 1 136 m³/s (Vila de Tichna)
Foz Mar Negro, 25 km ao sul de Varna
Área da bacia 5 358 km²
País(es)  Bulgária
Rio Kamchiya (Камчия) está localizado em: Bulgária
Rio Kamchiya (Камчия)
Rio Kamchiya
Coordenadas 43° 1' 22" N 27° 53' 23" E

Kamchiya (em búlgaro: Камчия), também Kamchia e Kamčija, é um rio com 244 km de comprimento na Bulgária oriental e o maior da península Balcânica a desaguar no Mar Negro. Ele nasce da confluência de dois rios que partiram da cordilheira dos Balcãs, o Golyama Kamchiya (ele próprio nascido da confluência dos rios Ticha e Vrana) e Luda Kamchiya, segue para o leste, desembocando a 25 km ao sul de Varna, no Resort de Kamchiya.

História[editar | editar código-fonte]

Na antiguidade, o rio era conhecido como Panisos; posteriormente, os eslavos chamaram-no de Ticha (Tiča) e acredita-se que o seu nome atual seja de origem cumana. Os romanos construíram a fortaleza de Erite às suas margens. A bacia do Kamchiya teve um papel fundamental na história do Primeiro Império Búlgaro. Além disso, a maior parte da marinha búlgara medieval, do século VIII ao XIV, foi construída em sua foz graças à qualidade da madeira encontrada na região. No século XVIII, os lipovanos se assentaram na margem sul.

Geografia e ecologia[editar | editar código-fonte]

Seguindo para o sul através da parte oriental da cordilheira dos Balcãs, o Kamchiya serpenteia através da Reserva de Kamchia, uma reserva de biosfera listada pela UNESCO e que protege as florestas nativas contra o desmatamento e a drenagem excessiva que dizimaram-na na primeira metade do século XX. A foz do rio forma um banco de areia e o rio frequentemente transborda inundando a encosta em direção do vale. A reserva tem 40 km de comprimento contando a partir da foz e até 5 km de largura.

A região toda é notável pela variedade - geralmente alagada - de florestas primárias de tipo ribeirinho, com praias de até 450 metros de largura com dunas de até 19 metros de altura cobertas de florestas ou gramíneas, mangues ou restos pantanosos de antigos leitos avançando profundamente na floresta. A rara coexistência de freixos, carvalhos, olmos, amieiros e bordos, algumas com 40-50 metros de altura com lianas escalando por entre os galhos criam a impressão de uma floresta tropical, um verdadeiro emaranhado de plantas.

Entre as 26 espécies de mamíferos que vivem na região estão lontras, veados, javalis e gatos selvagens. Há também 200 espécies de aves, incluindo águias marinhas, falcões e 56 em risco de extinção, e 25 espécies de peixes.

O rio Kamchiya atravessa as cidades de Veliki Preslav e Smyadovo na Província de Shumen e Dalgopol e Dolni Chiflik na Província de Varna.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Kamchiya