Karl Jäger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Karl Jäger (20 de setembro de 188822 de junho de 1959) foi um militar suíço membro da SS.

Jäger entrou no Partido Nazista em 1923. Durante a Segunda Guerra Mundial, comandou a Einsatzkommando 3. Foi responsável pelo Relatório Jäger, um documento que detalhava as ações de extermínio realizadas pela Einsatzgruppen. Suicidou-se em 1959, antes de ser julgado por crimes de guerra.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Klee, Ernst, Dressen, Willi, and Riess, Volker, "The Good Old Days" -- The Holocaust as Seen by its Perpetrators and Bystanders, (translation by Deborah Burnstone) MacMillan, Nova York, 1991 ISBN 0-02-917425-2
  • Krausnick, Helmut, and Wilhelm, Hans-Heinrich: Die Truppe des Weltanschauungskrieges. Die Einsatzgruppen der Sicherheitspolizei und des SD 1938-1942. Deutsche Verlags-Anstalt, Stuttgart 1981, ISBN 3421019878
  • Stang, Knut: Kollaboration und Massenmord. Die litauische Hilfspolizei, das Rollkommando Hamann und die Ermordung der litauischen Juden. Peter Lang, Frankfurt am Main [u.a.] 1996, ISBN 3-631-30895-7

Ligações externas[editar | editar código-fonte]