Karma (Marvel Comics)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Karma
Placeholder male superhero c.png

Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Primeira aparição Marvel Team-Up (vol. 1) #100 (Dez. de 1980)
Criado por Chris Claremont
Frank Miller
Características do personagem
Alter ego Xi'an Coy Manh
Espécie Humano Mutante
Terra natal Vietnã
Afiliações Instituto Xavier
Novos Mutantes
Ocupação Secretária
Bibliotecária
Codinomes conhecidos Shan
Habilidades Telepatia
Controle mental
Possessão
Campo Refleto.
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Karma é uma personagem de histórias em quadrinhos da Marvel Comics.

Origem[editar | editar código-fonte]

seu irmão gêmeo Tran nasceram em meio à guerra que assolava o Vietnã. Seu pai foi um honesto, porém não popular oficial Sul-Vietnamita, ao qual eram destinadas as piores missões. Sua famíla era composta por ele, sua mãe, seu irmão gêmeo Tran e dois irmãos gêmeos mais novos: Leong e Nga. Xi’an descobriu seu poder de possuir seres vivos na adolescência, ao salvar seu irmão de ser assassinado por um vietcongue. Tran imediatamente descobriu ter os mesmos talentos e os usou para assassinar o soldado.

Tran contou ao seu tio Nguey Coy sobre seus talentos, embora este fosse desprezado pelo restante da família. Também contou que Xi’an tinha medo de usá-los, mas ele não. Posteriormente, sua famíla fugiu junto com outros vietnamitas durante a guerra, e Tran foi o único a ser resgatado pelo tio. Xi’an foi obrigada a usar seus talentos para ajudar sua família a escapar. Infelizmente ela estava doente e com fome, e não foi capaz de protegê-los de um ataque pirata ao pequeno barco que rumava aos Estados Unidos. Os homens, incluindo seu pai, foram mortos e as mulheres raptadas. Sua mãe não suportou a viagem e acabou falecendo. Ao chegar aos Estados Unidos, Xi’an já em idade adulta teve que servir de pai e mãe para seus irmãos mais novos. Eles acabaram se reunindo com seu tio e seu irmão, até que ela descobriu que seu tio se tornara um chefe do crime organizado. Xi’an se recusou a ajudá-lo e pediu ajuda ao Padre Michael Bowen, um velho amigo da família. Ele conseguiu para a jovem vietnamita um bom emprego e local para morar. Mas seu tio raptou seus irmãos para obrigá-la a trabalhar para ele. Xi’an possuiu o Homem-Aranha (pensando que ele era um criminoso), obrigando-o a salvar seus irmãos, porém ela acabou se confrontando com o Homem-Aranha e o Quarteto Fantástico. Comovidos com sua história, os heróis resolveram ajudá-la, mas neste momento Tran possuiu o Quarteto, fazendo–os lutar contra o Homem–Aranha. Para salvar o aracnídeo, Xi’an acabou assassinando seu irmão, ao absorver sua essência vital para dentro dela.

O Quarteto a ajudou a resgatar seus irmãos e contatou o Professor Xavier para admitir Xi’an em sua escola e treiná-la no uso de seus poderes.

Novos Mutantes[editar | editar código-fonte]

Xi’an, agora se denominando Karma. foi convidada a participar de uma nova equipe com os Novos Mutantes, enquanto aprenderia a controlar melhor seus poderes. Xi’an adorou a idéia, mas teria que recusar, pois era a única responsável pelos seus irmãos e teria que arranjar um emprego. Xavier achou uma boa solução: enquanto a treinasse, ele a contrataria para ser sua secretária na escola. (não publicado no Brasil)

Como a única adulta e integrante mais madura dos Novos Mutantes, logo ela se tornou a líder da equipe e mesmo sendo parte integrante dos Novos Mutantes alugou um apartamento para morar com seus irmãos, pois achava que sua famíla devia ter um lar á parte de tudo isso.

Após algumas aventuras junto com os Novos Mutantes, entre as quais enfrentaram Sentinelas e a Ninhada, Dani Moonstar foi capturada pela Víbora (que naquela época se chamava Madame Hidra). Como Xavier estava ausente e não poderia ajudar, os Novos Mutantes foram pedir ajuda ao tio de Xi’an. Entretanto, Karma não teve estômago para continuar torturando-o com a finalidade de extrair informações e concordou em trabalhar para ele por um ano em troca das informações de que precisavam.

Este débito não chegou a ser pago, porque uma misteriosa entidade psíquica estava interessada em Karma. Quando o time salvou Moonstar e Víbora destruiu seu complexo, Karma acabou separada do grupo, que pensou que ela tivesse morrido na explosão. Xavier suspeitava do que ocorrera a sua aluna, mas preferiu não falar aos outros alunos, a fim de protegê-los.

Sob domínio do Rei das Sombras[editar | editar código-fonte]

Meses se passaram, até que a verdade veio à tona. Karma ficou sob o controle do mutante psíquico maligno Amahl Farouk, que tinha sido aparentemente morto após um confronto com Charles Xavier no plano astral muitos anos atrás. O que aconteceu, é que o corpo físico morreu, enquanto que ele se tornou uma entidade psíquica, autodenominou-se Rei das Sombras e possuiu o corpo de Xi’an. Em poucos meses, Farouk, através de seus próprios poderes e dos que obteve de Karma, criou um império criminoso e aumentou o apetite dela, tornando-a extremamente obesa. Os Novos Mutantes se deram conta do ocorrido, quando dois de seus membros Mancha Solar e Magma foram capturados e tornaram-se gladiadores na arena de jogos do Rei das Sombras. Alguns membros da equipe, junto com Cristal, Lince Negra e Rachel Summers, seguiram seus colegas abduzidos e ficaram chocadas ao ver sua ex-colega, Karma, como uma inimiga.

Farouk/Karma escapou para Madripoor, sendo seguido pelos Novos Mutantes. Sem conhecer a natureza dos poderes inimigos, a maior parte da equipe foi capturada, assim como a x-man Tempestade, que perdera temporariamente seus poderes. Nisso foi revelado, que Farouk tinha um interesse, por razões só por ele conhecidas, por Ororo desde que ela era criança. Magia e Warlock, os únicos Novos Mutantes livres, descobriram que o seu verdadeiro inimigo era o Rei das Sombras e o fizeram perder a concentração e libertaram seus colegas. Farouk e Karma iniciaram uma batalha psíquica, vencida pela jovem mutante, que o forçou a retornar ao plano astral.

Asgard[editar | editar código-fonte]

Karma retomou a vontade própria, mas estava deprimida: ela se sentia uma anomalia agora.Com sua suposta morte, Leong e Nga ficaram sob os cuidados do padre Michael Bowen. “Como poderia ela agora encará-los, obesa como estava?” Pensava a jovem mutante. Antes de retornar à mansão, Ororo levou os jovens para passarem férias em Kirinos, onde foram levados a Asgard e separados no tempo e no espaço, por um descontrole nos poderes de teletransporte de Magia. Karma viveu sozinha por meses no passado, em um deserto desconhecido. Ela quase desistiu da vida, quando encontrou uma jovem, pedindo sua proteção contra um monstro e sua ajuda para voltar para casa (na verdade era uma ilusão provocada pela Rainha das Nornes, Karnilla que queria frustrar os planos de Loki).

Comovida com o pedido e a força de vontade da menina, Karma passou meses cruzando o deserto com ela, perdendo vários quilos no processo e se alimentando de pequenos animais do deserto, até que ela foi encontrada por Cifra e Warlock. Quando os planos de Loki foram frustrados pelos X-Men e Novos Mutantes, ele tinha que enviar os mutantes de volta para casa e reverter todas as mudanças feitas neles em sua estadia lá. Porém com Karma, ele abriu uma exceção, não a condenando a voltar a sua forma obesa.

A procura de Leong e Nga[editar | editar código-fonte]

4.1-Novos Mutantes: Karma voltou a integrar a equipe, desta vez deixando a liderança para Miragem e Míssil, até que durante o Massacre de Mutantes, seus irmãos desapareceram. Uma bomba plantada no apartamento foi acionada quando o interruptor de luz foi ligado e com a explosão qualquer vestígio do paradeiro deles também se fora. Karma salvou-se graças ao teleporte de Magia que as salvou no exato momento da explosão.

Durante Guerras Secretas, ela foi morta pelo Beyonder juntamente com todos os Novos Mutantes. Isto ocorreu porque os jovens mutantes não aceitaram a “perfeição” que o Beyonder queria impor ao mundo e nesta nova ordem não existiriam rebeldes segundo ele. Além de os matarem, ele apagou todos os vestígios e lembranças acerca deles, como se nunca tivessem existido. Mais tarde, o Beyonder determinou que gostaria de ser humano e criou uma máquina para recriar sua essência, e para testá-la recriou os Novos Mutantes, porém quase como zumbis sem nenhum traço de emoção.

Quando Beyonder fora derrotado pelo ato conjunto dos heróis Marvel, coube a Magneto treinar os jovens mutantes, porém estes apresentavam uma involução de seus poderes, além de tristeza e desmotivados em viver. Embora tentasse, Magneto não conseguiu encontrar o caminho para ajudar os Novos Mutantes e acabou concordando em sua transferi-los para a Academia Massachusetts, esperando que a Rainha Branca os ajudasse com sua telepatia. Karma integrou por um tempo, então, a equipe dos Satânicos. Mais tarde Magneto reabriu a escola e os Novos Mutantes voltaram para casa, mas agradecidos à terapia fornecida por Emma Frost.

Karma não escondia de ninguém a preocupação com seus irmãos e nem mesmo a afirmativa de Magneto, atual diretor da escola, de que estava fazendo tudo para descobrir seu paradeiro tranqüilizou-a. Indo contra suas ordens de não interferir sozinha, aproveitou uma festa em que os Novos Mutantes foram no Clube do Inferno, possuiu Tessa, assecla de Sebastian Shaw na época e usou os computadores do Clube do Inferno para tentar encontrar informações de seus irmãos, sem sucesso, pois Magneto já tinha usado sua posição como Rei Branco para acessá-los.

Madripoor[editar | editar código-fonte]

Xi’an achou que só tinha uma solução: o Império do Crime do seu tio, assim ela deixou a equipe, explicando tudo em uma carta aos seus ex-colegas.

Mais uma vez em troca pelas informações do paradeiro de seus irmãos, Karma teria que fazer trabalho sujo para ele, assim como outrora Tran o fizera. Ela acompanhou Nguyen a Madripoor, onde parte graças a ela, ele se tornou o maior chefe do crime de lá. As ações de Karma logo a fizeram encontrar um antigo amigo, quando seu tio e dois aliados Sanguinário e Baderna, estavam interessados em matar a chefe do crime local Tigre, que felizmente era amiga pessoal de Wolverine.

Karma secretamente auxiliou Tigre e Caolho (identidade usada por Logan em Madripoor) e a guerra pelo poder acabou chegando a um acordo. Tigre não tinha interesse por drogas, deixando este campo para Coy. Com dois aliados superpoderosos um para cada lado, o equilíbrio foi instalado.

Muitos meses depois, Nguyen tentou tirar vantagem de um projeto chamado Lazarus. O elemento chave foi um aparelho chamado de Forma Mestre, que tinha sido deixada num vilarejo próximo de Rumika para ser guardado por fazendeiros locais. Muitas famílas estavam sendo prejudicadas com isso e ao descobrir isso Karma foi lá e presenciou os habitantes serem mortos por forças inimigas. Ela tentou salvar pelo menos algumas das crianças, mas se deparou com muitos soldados e não foi capaz de possuir todos, e ninguém sobreviveu. Após dar um funeral decente aos habitantes, Karma e Wolverine voltaram a Madripoor para descobrir sobre o projeto secreto. Descobrindo que seu tio estava envolvido com as mortes em Rumika, ela finalmente parou de trabalhar para ele e o ameaçou que se matasse ou ferisse mais algum inocente, ela o mataria.

Aparentemente Xi’an tentou procurar por conta própria seus irmãos, mas sua jornada foi abruptamente interrompida pelos Upstars, que realizavam a Caçada Jovem, que consistia em capturar e matar os membros remanescentes dos Novos Mutantes e dos Satânicos para ganhar pontos em um jogo que tinha como prêmio poder. Karma, Moonstar e Empata tentaram se infiltrar no covil inimigo, usando os poderes de Karma para controlar Siena Blaze, mas foram descobertos pelo mutante omnipata Gamesmaster. A X-Force, em conjunto com os Novos Guerreiros e Escalpo, a irmã de Míssil conseguiram derrotar o vilão.

Uma Karma mais agressiva e decidida descobriu o paradeiro de seus irmãos, chegando até o Clube do Inferno, mas chegou tarde demais. Leong e Nga tinham estado nas mãos de Shinobi Shaw que fez experimentos com eles para erradicar o Fator X existente nos mutantes, mas os entregou para Víbora e Espiral. Com a ajuda de Fera e de Míssil, Karma as confrontou. Espiral usou sua tecnologia dimensional da Loja de Corpos para alterar geneticamente e fazer lavagem cerebral nas crianças, transformando-as em escravas da Víbora. O motivo da Víbora é que ela queria se vingar da família toda, já que no passado ela fora escrava do General Coy, pois sua mente foi possuída pelo irmão de Karma, Tran que a fez ficar num harém. Ela quis vingança apesar de Karma ao matar seu irmão, ter libertado a Víbora do controle mental de Tran. Os heróis conseguiram resgatar os gêmeos e através de uma amostra de tecido da pele deles, Fera prometeu a Karma tentar desfazer as modificações. Xi’an foi embora, tentando-se adaptar a nova situação.

Reencontro[editar | editar código-fonte]

Algum tempo depois, Karma voltou à cena quando houve uma reunião dos membros fundadores dos Novos Mutantes para uma celebração.

Eles encontraram uma versão deles mesmos vindos do passado e que se chocaram ao descobrir que Illyanna Rasputin iria morrer vítima do Vírus Legado. Os Novos Mutantes do passado queriam salvar Illyanna com a ajuda de Mikhail Rasputin, que dizia ter como impedir que isso ocorresse. A versão atual estava relutante, já que mudar o passado podia alterar catastroficamente o futuro, mas Karma se voltou contra seus ex-colegas, não querendo perder sua nova família como perdeu a antiga. No processo, ela descobriu poder bloquear ataques psiônicos direcionados a ela e ser uma telepata de baixo nível. As modificações genéticas foram feitas em Illyanna, porém mais tarde todos descobriram que foi esta alteração que fez Illyanna que antes era imune ao vírus, se tornar capaz de adquirir a doença. Karma então possuiu toda a equipe antiga para que voltassem para casa e não se lembrassem do ocorrido.

Cuidando de seus irmãos[editar | editar código-fonte]

Mais tarde Karma encontrou a X-Force num festival rave no Grand Canyon. Ela tinha cortado seu cabelo bem curto e o pintado de rosa, colocado alguns pierciengs e estava acompanhada de duas amigas lésbicas. Ela mesma revelou suas preferências sexuais aos colegas e mencionou que teria achado um médico para lidar com os traumas emocionais de seus irmãos gêmeos.

Com o término do tratamento de seus irmãos, Karma voltou a adotar uma aparência conservadora, e se mudou para Chicago com os gêmeos, onde arranjou um emprego na universidade como secretária na biblioteca do Campus, enquanto faz sua formação em biblioteconomia e tenta dar aos gêmeos um pouco de vida normal. Xi’an ficou surpresa ao encontrar outra ex-colega do Instituto Xavier, Kitty Pryde. Xi’an, Kitty e dois amigos: o genoshano telecinético Shola Inkosi e o ativista antimutante Tom Moore, combateram e derrotaram um grupo de Sentinelas que vinham matando muitos mutantes e humanos em Chicago. Durante suas aventuras, Xi’an expressou dúvidas quanto à sua “vida normal”, o oposto do que vivia no Instituto Xavier, onde eles estariam a salvo com sua própria raça, pois estava cansada de ver os mutantes sempre serem vítimas.

Academia X[editar | editar código-fonte]

Quando Charles Xavier resolveu recrutar jovens para formar uma equipe de Novos Mutantes, ele pediu a Dani Moonstar que ensinasse esta nova geração de mutantes. Dani por não se achar preparada para tal incumbência, resolveu apenas recrutá-los para o Instituto e foi atrás de um deles que morava em Chicago, chegando no momento em que Xi’an se formou na Universidade e ambas recrutam juntas o jovem David Bennedict. Xi’an decide voltar ao Instituto levando seus irmãos gêmeos e junto com Moonstar, Magma e Lupina aceita o convite para ensinar os Novos Mutantes.

Karma arriscou-se em ensinar os estudantes mais novos depois da "morte" do Estrela Polar e quando Rahne Sinclair, a Lupina se ausentou do Instituto.