Kaze no Stigma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emblem-scales.svg
A neutralidade desse artigo (ou seção) foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão. (desde dezembro de 2009)
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Agosto de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Kaze no Stigma
Gênero ação, Comédia, romance, Sobrenatural
Mangá
Kaze no Stigma -Kouen no Miko-
Autor Takahiro Yamato
Ilustrador Neko Miyakai
Editora(s) Fujimi Shobō
Revista Monthly Dragon Age
Data de publicação Janeiro de 2002 – Ainda em publicação
Volumes 2
Anime
Direção Junichi Sakata
Estúdio Gonzo
Exibição original 11 de Abril de 2007 – 20 de Setembro de 2007
Emissoras de TV Japão Chiba TV, TV Saitama, Tokyo MX TV, KBS Kyoto, Gunma TV
Nº de episódios 24
Projeto Animangá  · Portal Animangá

Kaze no Stigma (風の聖痕? lit. Estigma do Vento) é uma light novel japonesa escrita por Takahiro Yamato e ilustrada por Hanamaru Nanto. Uma adapatação para anime dirigida por Junichi Sakata e animada pela Gonzo estreou em 11 de abril de 2007.

História[editar | editar código-fonte]

Kazuma Kannagi é considerado um fracasso por sua família porque ele não podia usar Enjutsu, o poder de controlar as chamas. Quando ele é derrotado por Ayano Kannagi, um de seus parentes, num torneio para saber quem seria o possuidor de Enraiha, uma espada que simbolizava o poder da família, ele foi banido. Quatro anos depois ele retorna, agora um mestre do Fuujutsu, o poder para controlar o vento, com um novo nome: Kazuma Yagami. Cedo logo após seu retorno, ele é reunido com Ayano e seu irmão mais novo, Ren, que também tem o dom do Enjutsu. Logo, porém, membros da família Kannagi são mortos e a arma do crime é aparentemente Fuujutsu. Agora Kazuma tem que lutar contra sua família e provar que ele não é um assassino.

Kaze no Stigma enfoca no desenvolvimento de seus personagens. Existe um enredo ao longo do anime, mas é difícil enxergá-lo. Por seguinte, temos os personagens principais usando seus poderes elementares para batalhar contra demônios, ameaças para a humanidade e, de vez em quando, entre eles próprios.

Os personagens desta série não seguem aquela premissa básica de "eu tenho que ficar mais forte!" vista em certos shounens por aí. Kazuma já está em seu cume, é só que algumas lutas exigem alguma tática diferente, mas ele está quase sempre no controle. Ayano embora tenha um poder substancial, é um pouco imatura, e o que lhe falta é apenas serenidade e alguma disciplina. Ren é meio carente em idade e experiência, mas possui talento e disciplina para seguir adiante. Sendo agradável ver os personagens enfocarem mais em como eles podiam fazer as coisas, do que em aprender uma nova habilidade ou treinar eles mesmos para serem mais fortes.

Os momentos de comédia da série advêm geralmente dos acessos de raiva e frustração de Ayano perante o arrogante - e bastante insensível às vezes - Kazuma.

Em termos de animação, o anime não é nada especial. É meio carente em detalhes e não é sempre tão fluido quanto deveria. Não é ineficaz, de forma alguma, mas poderia ter sido muito melhor. Ao menos o character design é agradável.

Kaze no Stigma é um anime de ação do princípio ao fim.

Infelizmente, Takahiro Yamato, morreu em 20 de julho de 2009, deixando a série de light novel incompleta e por consequência impossibilitando a continuação do anime.

Ícone de esboço Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.