Keflavík

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Keflavík
Cidade da Islândia
Vista aérea de Keflavík
País  Islândia
Região Suðurnes
Comuna Reykjanesbær
População 14 000
Fundado Séc. XVI

Keflavík é uma cidade na região de Reykjanes no sudoeste da Islândia.

A cidade foi unida a outras cidades, Njarðvík e Hafnir, para formar a área metropolitana de Reykjanesbær com uma população de 14 000 habitantes.

História[editar | editar código-fonte]

Encontrada no século XVI, Keflavík se desenvolveu graças à pesca e o processo industrial desse setor, encontrado por empresários e engenheiros escoceses.

O crescimento gradual de Keflavík continuou com o desenvolvimento do setor aéreo no Aeroporto Internacional de Keflavík, o qual foi construído pelos Estados Unidos durante a década de 1940. O aeroporto serviu de localidade para uma significativa base militar da OTAN e também serviu para o reabastecimento de aviões.

Na Guerra Fria, a Estação Aérea Naval de Keflavík executou um importante papel, monitorando os navios e submarinos do Mar da Noruega até o Mar da Groenlândia, dentro do Oceano Atlântico.

Durante a Guerra Fria, forças provenientes da Força Aérea dos Estados Unidos foram adicionadas no território para promover a monitoração com radares, o reabastecimento de voos e o resgate aéreo e marinho. Depois da queda da União Soviética, o papel da base se tornou desprezível. A base foi oficialmente fechada no dia 30 de setembro de 2006 e os Estados Unidos retiraram os 30 militares restantes da base. O Aeroporto Internacional de Keflavík continuou funcionando, com o papel de ser o principal centro internacional da Islândia.

Na Islândia, a cidade foi utilizada como um centro de músicos durante as décadas de 1960 e 1970. Desta forma, Keflavík ficou conhecida como bítlabærinn ou, em inglês, "The Beatle Town".