Keith Flint

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Keith Flint em tour em Washington DC.

Keith Charles Flint (17 de Setembro de 1969 em Chelmsford, Essex, Inglaterra) é um membro da banda de música eletrônica britânica The Prodigy. No final dos anos 1980, ele conheceu o DJ Liam Howlett em uma rave clube e expressou o seu apreço pela música de Howlett. Após receber uma fita-demo de Liam Howlett, o lado B da fita teve algumas músicas de Liam feitas no seu estúdio caseiro "Earthbound". Keith voltou a Liam com grande entusiasmo, insistindo que Liam deveria tocar seus tracks no palco, e que ele e seu amigo Leeroy Thornhill iriam dançar para ele. Pouco depois, em 1990, ele entrou no novo projeto de Howlett, The Prodigy.

Originalmente era apenas um dancer, mas em 1996 ele foi o vocalista do single "Firestarter". O vídeoclipe da música mostrou um novo Flint, com visual punk. Essa tendência continuou com o próximo single do grupo, "Breathe", onde Flint atua novamente nos vocais. O álbum de 1997 The Fat of the Land transformou Flint no principal vocalista do grupo. Em 2002 o single "Baby's Got a Temper" foi lançado. Foi fortemente influenciado pelo estilo punk de Flint, que leva Howlett a depois desqualificar a canção como representante do The Prodigy. Sobre o próximo álbum Prodigy, "Always Outnumbered, Never Outgunned" (2004), Flint não realiza qualquer vocal, embora ele cante em uma das faixas do "Hotride".

Referências[editar | editar código-fonte]

TheProdigy.info » Prodigy members / Keith Flint. Página visitada em 2007-05-05.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]