Klaus Berger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Klaus Berger

Klaus Berger (nascido a 25 de November de 1940 em Hildesheim, na Alemanha) é um teólogo alemão, um especialista no Novo Testamento. É professor de Teologia em Heidelberg. Inicialmente um católico, em 1967 ele passou a ser protestante, quando a Faculdade de Teologia de Munique recusou a sua tese de doutoramento, na qual ele afirmou que Jesus não dissolveu a lei Judaica mas sim interpretou-a de acordo com o sentido do seu tempo. Esta ideia foi no entanto aceite em 1991 e é agora considerada oficial pela igreja católica.

Ver também[editar | editar código-fonte]