Kowloon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Kowloon
九龍
Localização em Hong Kong
Localização em
 Hong Kong
População (2006)
 - Total 2 019 533
    • Densidade 43033/km2 
Fuso horário Horário de Hong Kong (UTC+8)
Kowloon
Chinês tradicional: 九龍
Significado literal Nove dragões
Zhongwen.svg Este artigo contém texto em chinês.
Sem suporte multilingue apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de caracteres chineses.

Kowloon ( /ˌkˈln/; chinês tradicional: 九龍; jyutping: gau2lung4) é uma área urbana de Hong Kong, na China, que compreende a Península de Kowloon e Nova Kowloon 22° 19' N 114° 11' E. Faz fronteira com o Estreito de Lei Yue Mun ao leste, Mei Foo Sun Chuen e a Ilha Ngong Shuen Chau, no oeste, incluindo a Tate's Cairin e Lion Rock Hill, no norte, e o Porto de Vitória, no sul.

Possuía uma população de 2.019.533 habitantes e uma densidade populacional de 43.033/km² em 2006. Kowloon está localizado ao norte da Ilha de Hong Kong e sul da parte continental dos Novos Territórios. A área da península é de aproximadamente 47 km². Kownloon juntamente com a ilha de Hong Kong, contém 48% da população total de Hong Kong.

A sistemática de transcrição Kau Lung ou Kau-lung foi muitas vezes utilizada em nomes de lugares derivados antes da Segunda Guerra Mundial, por exemplo Baía de Kau-lung, em vez de Baía de Kowloon. Outras grafias incluem Kauloong, Kawloong.

História[editar | editar código-fonte]

O nome Kowloon decorre dos nove dragões, um termo que se refere as oito montanhas circundantes de Hong Kong, mais um imperador chinês: Kowloon Peak, Tung Shan, Tate's Cairn, Temple Hill, Unicorn Ridge, Lion Rock, Beacon Hill, Crow's Nest e o Imperador Bing (Dinastia Sung).[1]

A parte sul de Kowloon Boundary Street, juntamente com a Ilha Stonecutters, foram cedidas pela Dinastia Qing para o Reino Unido, sob a Convenção de Pequim de 1860. Por muitos anos, a área permaneceu muito pouco desenvolvida, usada pelos britânicos, principalmente para expedições e caças a tigres. [carece de fontes?]

Kowloon em 1915.

A parte norte de Kowloon Boundary Street (Nova Kowloon) foi alugada pelos britânicos como parte dos Novos Territórios, em 1898 por 99 anos. Dentro da Nova Kowloon, Kowloon City refere-se a uma área onde a Cidade murada de Kowloon costumava ser localizada. A Cidade murada de Kowloon em si foi demolida em 1993. A mesma área foi chamada 官富场( pinyin : Guanfuchang), durante a dinastia Song.[2]

Estatutariamente, "Kowloon" é usado para se referir ao sul da área do Boundary Street e da Ilha Stonecutters. "New Kowloon" também se manteve como parte dos Novos Territórios.

Na cultura moderna, no entanto, New Kowloon muitas vezes não é considerada como parte dos Novos Territórios, porém como parte integrante da área urbana Kowloon em ambos os lados da Boundary Street. Para fins fiscais, New Kowloon não é considerado parte de Kowloon e faz parte dos Novos Territórios, como é refletida nos estatutos. Imóveis em New Kowloon estão sujeitos ao pagamento de arrendamentos de terra, como nos Novos Territórios.

Península de Kowloon ao entardecer.

O desenvolvimento em grande escala de Kowloon começou no início do século XX, com a construção da Kowloon-Canton Railway e da Wharf Kowloon, mas devido a proximidade do Aeroporto Internacional Kai Tak, a construção do edifício foi limitada. Como resultado, em comparação a Ilha de Hong Kong, Kowloon tem um horizonte muito mais baixo.[1] Após a Segunda Guerra Mundial, Kowloon tornou-se extremamente congestionada quando favelas de refugiados da recém-criada República Popular da China deu lugar a conjuntos habitacionais públicos, misturado com residenciais privados, áreas comerciais e industriais.

Kowloon Oeste foi o lar de um estaleiro para a Marinha Real Britânica. A área foi recuperada e hoje é o local de vários desenvolvimentos.

Administração[editar | editar código-fonte]

Política[editar | editar código-fonte]

Kowloon abrange duas circunscrições geográficas para o Conselho Legislativo de Hong Kong:

  • Kowloon Leste incluem Wong Tai Sin e Kwun Tong.
  • Kowloon Oeste incluem Yau Tsim Mong, Sham Shui Po e Kowloon City.

Panorama[editar | editar código-fonte]

Panorama da Península de Kowloon.

Referências

  1. a b Fallon, Steve. Hong Kong and Macau. [S.l.]: Lonely Planet Publishing, 2006. ISBN 981-258-246-0
  2. HAD. Welcome to 18 Districts (em inglês). Página visitada em 06 de novembro de 2012.
  3. HAD. Welcome to 18 Districts (em inglês). Página visitada em 06 de novembro de 2012.
  4. HAD. Welcome to 18 Districts (em inglês). Página visitada em 06 de novembro de 2012.
  5. HAD. Welcome to 18 Districts (em inglês). Página visitada em 06 de novembro de 2012.