László Csizsik-Csatáry

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
László Csizsik-Csatáry
Nascimento 4 de março de 1915
Mány, Áustria-Hungria
Morte 10 de agosto de 2013 (98 anos)
Budapeste

László Csizsik-Csatáry (4 de março de 191510 de agosto de 2013) foi um criminoso nazista que durante o início da década de 2010 foi o mais procurado do mundo, acusado de cumplicidade na morte de 15.700 judeus durante a Segunda Guerra Mundial.

Em 15 de julho de 2012 o jornal britânico The Sun anunciou que László Csatáry foi reconhecido em Budapeste.[1] Condenado à pena de morte, sua punição foi comutada para prisão perpétua em 28 de março de 2013.[2] Csatary morreu em 10 de agosto de 2013 em um hospital de Budapeste aos 98 anos. A causa da morte foi pneumonia.

Referências

  1. UOL Notícias: Criminoso nazista mais procurado do mundo é encontrado em Budapeste. Acessado em 15 de julho de 2012.
  2. Justiça eslovaca comuta pena de morte de agente nazista de 97 anos

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Notícias R7 - Criminoso nazista mais procurado do mundo é encontrado em Budapeste. Acessado em 15/07/2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.