Língua dinka

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dinka
 (Thuɔŋjäŋ)
Pronúncia: /t̪u.ɔŋ.dʒa̤ŋ/
Falado em:  Sudão do Sul
Total de falantes: 2-3 milhões
Família: Nilo-saariana
 Sudânica oriental
  Nilótica ocidental
   Dinka-nuer
    Dinka
Escrita: Alfabeto latino
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: din
ISO 639-3: vários

A língua dinka ou Thuɔŋjäŋ tal como é escrito nessa língua, é uma língua nilo-saariana falada pelo povo dinka, um dos maiores e mais influentes povos do Sudão do Sul. Com 2-3 milhões de falantes, o dinka constitui-se de cinco dialetos principais. Jaang também é um termo usado para designar todas as variantes da língua. O dialeto de Rek tonj é considerado o "padrão" ou variedade de maior prestígio.

O dinka é geralmente classificado como parte da subfamília dinka-nuer, que é braço do grupo nilótico ocidental, que por sua vez é parte do ramo sudânico oriental, a subfamília das línguas nilo-saarianas com o maior número de línguas (95). A língua mais próxima do dinka é o nuer, a língua dos tradicionais rivais dos dinkas. Outras grandes línguas nilóticas ocidentais relacionadas ao dinka são o shilluk, o luo e o acholi. (SIL Ethnologue, 2005 data)

O termo "nilótico" indica que os falantes dessas línguas são encontrados principalmente nas áreas próximas ao Nilo, especificamente o banco ocidental do Nilo Branco, o maior rio tributário originário do norte de Uganda. Os dinkas vivem em toda a área pantanosa do Sudd no sudoeste e centro do Sudão em três províncias: Bahr el Ghazal, Nilo Superior, e Cordofão Meridional. (Veja "Gurtong Peace Trust's Dinka"mapa étnico.)

Características lingüísticas[editar | editar código-fonte]

Fonologia[editar | editar código-fonte]

O dinka possui um rico sistema vocálico, com 13 vogais fonemicamente contrastantes. Os underdots (< ̤>) indicam vogais "aspiradas". (representadas na ortografia dinka como tremas <¨>):

Frontal Anterior
plain Aspirada plain Aspirada
Fechada i u
Média-fechada e o
Média-aberta ɛ ɛ̤ ɔ ɔ̤
Aberta a

Há 20 fonemas consonantais:

Labial Dental Alveolar Palatal Velar
Nasal m n ɲ ŋ
Plosiva p b t̪ d̪ t d c ɟ k g
Fricativa ɣ
Rótica ɾ
Aproximante l j w

Morfologia[editar | editar código-fonte]

Essa língua pratica o ablaut ou apofonia, a mudança das vogais internas:

Singular Plural gloss Alternância vocálica
dom dum 'field/fields' (o-u)
kat kɛt 'frame/frames' (a-ɛ)
(Bauer 2003:35)

Tons[editar | editar código-fonte]

O dinka é uma língua tonal.

Dialetos do dinka[editar | editar código-fonte]

Os lingüistas dividem o dinka em cinco dialetos principais correspondentes à sua locação geográfica:

  • Nororiental (Padang) (Dialetos: abiliang, dongjol, luac, ngok-sobat, ageer, rut, thoi)
  • Norocidental (Ruweng) (Dialetos: alor, ngok-kordofan, pan aru, pawany)
  • Sul Central (Agar) (Dialetos: aliap, ciec, gok, agar)
  • Sudeste (Bor) (Dialetos: bor (athoc,gok), nyarweng, tuic)
  • Sudocidental (Rek) (Dialetos: rek, abiem, aguok, apuk, awan, kuac, lau, luac/luanyang, malual, paliet, palioupiny, tuic)

(Veja a página do Ethnologue map of Sudan para a localização dos dialetos.

Escrita[editar | editar código-fonte]

O dinka é escrito utilizando um sistema baseado no alfabeto latino. Houve variações na escrita do dinka desde o início do século XX, atualmente o alfabeto é constituído pelas letras: a ä b c d dh e ë ɛ ɛ̈ g ɣ i ï k l m n nh ny ŋ o ö ɔ ɔ̈ p r t th u w y

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outras fontes[editar | editar código-fonte]

  • Beltrame, G. (1870). Grammatica della lingua denka. Firenze: G. Civelli.
  • Malou, Job. Dinka Vowel System. Summer Institute of Linguistics and the University of Texas at Arlington Publications in Linguistics. ISBN 0-88312-008-9.
  • Mitterrutzner, J. C. (1866). Die Dinka-Sprache in Central-Afrika; Kurze Grammatik, Text und Worterbuch. Brixen: A. Weger.
  • Nebel, A. (1979). Dinka-English, English-Dinka dictionary. 2nd. ed. Editrice Missionaria Italiana, Bologna.
  • Nebel, A. (1948). Dinka Grammar (Rek-Malual dialect) with texts and vocabulary. Instituto Missioni Africane, Verona.
  • Trudinger. R. (1942-44). English-Dinka Dictionary. Sudan Interior Mission
  • Tuttle. Milet Picture Dictionary English-Dinka. (at WorldLanguage.com)

Ver também[editar | editar código-fonte]