Língua nuer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuer
 (Naadh)
Falado em:  Sudão do Sul
Etiópia Etiópia
Total de falantes: 804,907 (Ethnologue)
Família: Nilo-saariana
 Sudânica oriental
  Nilótica ocidental
   Dinka-nuer
    Nuer
Escrita: Alfabeto latino
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: nus

A língua nuer é uma língua nilo-saariana do grupo nilótico ocidental. Essa língua é falada pelo povo nuer, que vive no sul do Sudão. O nuer é uma das línguas mais faladas na África centro-oriental. Os nuers constituem uma das maiores tribos do sul do Sudão.

Escrita[editar | editar código-fonte]

O nuer possui um alfabeto baseado no latino com uma ortografia adotada conforme a "Rejaf Language Conference" (1928), modificada mais tarde por missionários. São 12 sons vogais e 20 sons consoantes representados graficamente.[1] .

Há diversos dialetos do nuer, mas cada um possui um padrão de escrita próprio. Por exemplo, enquanto o /k/ final é pronunciado no dialeto jikany, esse som é omitido nos outros dialetos apesar de serem indicados na ortografia nuer.

Comunidades nuers[editar | editar código-fonte]

Há diferentes dialetos falados pelos grupos nuers distribuídos pelo sul do Sudão. Há uma tradução da Bíblia em nuer. Alguns nuers vivem no oeste da Etiópia. Estes nuers são chamados gajaak e lou. Os nuers da região de Nasir são chamados gajiok, e aqueles de Waat são chamados lou. Ha também os laweer e os jikueichieng.

Amostra de texto[editar | editar código-fonte]

Naath dial diethɛ kɛ a lɔr kä päärkɛ kɛ ciaŋ malä a mäni cuŋkiɛn. Tekɛ kɛ car kɛnɛ nhok ti de lät kɛ raan kɛ dämaan a gɔa.

Português:

Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos. São providos de razão e consciência para agir uns em relações aos outros num espírito de fraternidade.

(Artigo 1º da Declaração Universal dos Direitos Humanos)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  1. Nuer Omniglot Escrita Nuer cf. Omniglot