Língua vótica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vótico (vađđa ceeli, maa ceeli)
Falado em: Rússia
Região: Íngria
Total de falantes: menos de 20
Família: Urálica
 Fino-Ugriana
  Vótico
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: vot
ISO 639-3: vot

Vótico ou Votiano (vađđa ceeli our maa ceeli – também escrito como vaďďa tšeeli, maatšeeli[1] ) é a língua falada pelo Vótios da Íngria. È muito relacionada com a língua estoniana e pertence ao ramos das línguas fino-ugrianas. É falada somente em Krakolye e em Luzhitsy, duas vilas no distrito de Kingisepp e está em vias de extinção. Em 1989 havia cerca de 60 falantes, sendo que o mais jovem nascera em 1938. Em 24 de dezembro 2005, o jornal The Economist escreveu que havia somente cerca de 20 falantes da língua.[2] Alguns linguístas acreditam que o Vótico seja em verdade um dialeto do estoniano.[3]

Mapa – Vilas de Vótios, Íngrio-Fineses e Izhorianas - 1848–2007.

No século XIX, a lingual entrou em declínio em favor da crescente presença da língua russa. Eram cerca de mil falantes da lingual quando iniciou a Segunda Grande Guerra, mas essa quantidade foi se acelerando sob o domínio da União soviética. A população diminuiu em 90% entre 1926 e 1959. Desde então, os Vótios vêm tentando, na medida do possível, deixar de serem vistos como parte da etnia, preferindo ser vistos como russos naquele ambiente Russo.

Dialetos[editar | editar código-fonte]

A língua Vótica tinha quarto dialetos, dos quais somente o ocidental ainda é falado. São os seguintes:

  • Ocidental, em areas próximas à foz do rio Luga.
  • Oriental, em vilas próximas a Koporye
  • Kukkuzi, uma mistura do Izhoran como o Vótico, falado na vila de Kukkuzi
  • Kreevin, areas próximas a Bauska, Letônia

Amostra de texto[editar | editar código-fonte]

Исун теекырвылл Ајаја вајылтыб веероа.

Ен тахо ылла сиинэ, кусса тулын. Ен тахо ылла сиинэ, кухыы менен.

Михси терпитөисси Нэен тэмээ вајылтыттава веероа?

Do poema "Вееровајылтамин (Бертолт Брехт)"

Referências

  1. V. Černiavskij. Vaďďa tšeeli (Izeõpõttaja) / Водский язык (Самоучитель) ("Votic Self-Taught Book") (PDF) (em Russian). Página visitada em 2009-04-17.
  2. Staff writer. "The dying fish swims in water", The Economist, 24 de dezembro de 2005 – January 6, 2006, pp. 73–74.
  3. ’’em estoniano’’ - Paul Ariste: Eesti rahva etnilisest ajaloost. Läänemere keelte kujunemine ja vanem arenemisjärk. Artikkeli kokoelma. Eesti Riiklik Kirjastus, 1956

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]