Lúcio de Cirene

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
São Lúcio de Cirene
Bispo de Cirene
Festa litúrgica 6 de maio
Gloriole.svg Portal dos Santos

Lúcio de Cirene foi um dos fundadores da Igreja Cristã em Antioquia (na atual Síria), de acordo com o livro bíblico dos Atos dos Apóstolos, mencionado por nome como um membro da igreja na cidade após a morte do rei Herodes Agripa: «E na igreja que estava em Antioquia havia alguns profetas e doutores, a saber: Barnabé e Simeão chamado Níger, e Lúcio, cireneu, e Manaém, que fora criado com Herodes o tetrarca, e Saulo (Atos 13:1)

Lúcio é indicado como fundador por uma inferência numa passagem anterior: «E os que foram dispersos pela perseguição que sucedeu por causa de Estêvão caminharam até à Fenícia, Chipre e Antioquia, não anunciando a ninguém a palavra, senão somente aos judeus. E havia entre eles alguns homens cíprios e cirenenses, os quais entrando em Antioquia falaram aos gregos, anunciando o Senhor Jesus.» (Atos 11:19-20)

Acredita-se que tenha sido o primeiro bispo de Cirene,[1] colônia grega situada no Norte da África (na atual Líbia).

Um Lúcio também é mencionado Romanos 16:21, porém não é possível determinar se se trata da mesma pessoa.

Referências

  1. Walsh A New Dictionary of Saints p. 372

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Walsh, Michael A New Dictionary of Saints: East and West London: Burns & Oats 2007 ISBN 0-8601-2438-X

Ligações externas[editar | editar código-fonte]