Lebre-comum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaLebre-comum
Feldhase.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Lagomorpha
Família: Leporidae
Género: Lepus
Espécie: L. europaeus
Nome binomial
Lepus europaeus
Pallas, 1778

A lebre-comum ou lebre-europeia (Lepus europaeus) é um animal muito conhecido, que se encontra entre as principais espécies cinegéticas. De origem estepária, abunda sobretudo em zonas agrícolas pouco humanizadas. Existe em toda a Europa com exceção da Península Escandinava, parte da Península Ibérica e de algumas ilhas do Mar Mediterrâneo. Ocorre também no Norte de África e na Ásia Ocidental. Ao contrário do coelho, a lebre abriga-se em tocas pouco profundas já que conta com a sua coloração mimética para se dissimular na paisagem. Vive solitariamente, com exceção do período do cio. O cio ocorre de Janeiro a Outubro e as crias já nascem com pelo e aptas a ver. Na América do Sul, as lebres vivem em campos e dunas e são animais noturnos que, ao anoitecer, saem para se alimentarem e acasalar-se.

As lebres alimentam-se com brotos de gramas, folhas de amendoim, milho, feijão, alface e, principalmente, raízes de mandioca.

As lebres não têm o hábito de dormir em tocas e dormem sob arbustos, sempre viradas para um ponto de saída estratégica em caso de ataque de seus predadores.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • HOFFMAN, R. S., ANDREW, T. S. (2005). in WILSON, D. E., REEDER, D. M. (eds). Mammal Species of the World: A Taxonomic and Geographic Reference. 3ª ed. Johns Hopkins University Press, Baltimore, Maryland, 2.142 pp. 2 vol.
  • Lagomorpha Specialist Group 1996. Lepus europaeus. IUCN 2007 IUCN Red List of Threatened Species. Acessado em 21 de janeiro de 2008.
Ícone de esboço Este artigo sobre lagomorfos, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.