Lee-Enfield

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Lee-Enfield

A Lee-Enfield foi uma arma de ação de ferrolho manual utilizada pelo exército britânico durante as Duas Grandes Guerras. Entrou em serviço em 1895 e permaneceu até 1957. Porém, ainda é usada pela guarda britânica. Calibre padrão britânico .303, 10 disparos também foi usada pelos exércitos da Austrália, Nova Zelândia, Canadá, Índia e África do Sul. Foram produzidas em torno de 17 milhões de unidades em todas as suas variantes.

Atualmente, o fabricante produz para as forças armadas britânicas revólveres e fuzis, como o SA-80, dado como um dos melhores em cadência de tiro e precisão por diversos especialistas em armas e analistas militares.

Serviço em Portugal[editar | editar código-fonte]

Esta arma esteve presente nas forças armadas portuguesas durante alguns anos, tendo sido depois mandada para as colônias. Foi principalmente entregue no ano de 1917 quando as duas divisões do corpo expedicionário português (CEP). Manteve-se em serviço em algumas unidades, especialmente nas unidades menos envolvidas na infantaria até ao ano de 1960 (AA).

Versões[editar | editar código-fonte]


Este artigo relativo a armas de fogo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.