Leilão Reverso de Origem

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um Leilão Reverso de Origem - LeRO (em inglês: reverse auction) é uma plataforma de negócios online que trabalha com o seguinte conceito: a origem da necessidade de compra pode (e deve) partir do consumidor, que tem em seu poder a tomada de decisão quanto à aquisição de um determinado produto ou serviço. Num leilão B2B, áreas de aquisição e compras de organizações e de empresas de gerenciamento de cadeias de suprimentos inserem propostas de compra e recebem, em contrapartida, ofertas de fornecedores. No Leilão Reverso de Origem, o funcionamento parte do mesmo princípio, mas é o próprio consumidor final quem insere um produto ou serviço buscado, que pode variar desde cabos e suprimentos de informática a inúmeros computadores interligados em rede adquiridos em uma mesma loja.

Ao contrário dos sites de leilões convencionais – e até mesmo de ferramentas de cotação reversa, o LeRO surgiu no mercado como uma extensão do Business-to-Business (B2B), porém com foco no setor de varejo: Consumer-to-Business ou Prosumer-to-Business, baseando-se no termo desenvolvido pioneiramente em “Wikinomics: how mass collaboration changes everything”, por Don Tapscott e Anthony D. Williams.

Esse tipo de leilão opera da seguinte forma: o comprador quer adquirir um produto como, por exemplo, uma câmera digital, mas não gostaria de realizar cotações em diversos sites, tampouco contar com a sorte de conseguir dar um lance antes de outros usuários em sites de leilões convencionais. Ele(a) quer fazer o melhor negócio, qualidade com menor preço, e nem sempre tem o conhecimento dos valores e detalhes dos produtos.

Através do LeRO, esse consumidor informa o que quer comprar, quanto pretende pagar, no máximo, por aquele produto ou serviço, e o prazo para o fim da negociação. A partir daí, as empresas cadastradas disputam o seu pedido com as melhores ofertas para você – e ainda podem acompanhar, anonimamente, os preços informados pela concorrência.

O consumidor é beneficiado, pois pode contar com um leque de preços, vantagens e condições que mais se adequem à sua necessidade. E o fornecedor também, uma vez que tem contato direto com o público-alvo, pode medir o aquecimento do mercado através dos lances dados pela concorrência e ainda melhorar propostas e ofertas para que o seu negócio sobressaia perante os demais.