Leonid Ostrovskiy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leonīds Ostrovskis
Informações pessoais
Data de nasc. 17 de janeiro de 1936
Local de nasc. Rīga, Flag of Latvia.svg Letônia
Falecido em 17 de abril de 2001
Local da morte Kiev, Flag of Ukraine.svg Ucrânia
Informações profissionais
Posição Defensor
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1954-1955
1956-1962
1963-1968
1970
Flag of the Soviet Union (1923-1955).svg Daugava Rīga
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Torpedo Moscou
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Dínamo Kiev
Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg Mashuk Pyatigorsk
Seleção nacional
1961-1966 Flag of the Soviet Union (1955-1980).svg União Soviética 6 (0)

Leonid Alfonsovich Ostrovskiy - em russo, Леонид Альфонсович Островский - ou Leonīds Ostrovskis (Rīga, 17 de janeiro de 1936 - Kiev, 17 de abril de 2001) foi um futebolista letão.

Nascido antes da ocupação soviética na Segunda Guerra Mundial que anexou a Letônia à URSS, Ostrovskis foi um dos mais vitoriosos jogadores do país. Após começar em 1954 no Daugava Rīga, da agora RSS da Letônia, foi em 1956 para o Torpedo Moscou de Valentin Ivanov e Eduard Streltsov. Pelo Torpedo, foi à Copa do Mundo de 1958, na Suécia, mas não jogou. Ostrovskis só estrearia em campo pela Seleção Soviética em 1961, após conquistar o campeonato soviético de 1960 com o Torpedo. No mesmo ano, a equipe também venceu a Copa da URSS.

Foi também às Copas do Mundo de 1962 e 1966, onde a URSS terminou em quarto lugar, sua melhor participação em mundiais. Desde 1963, estava no Dínamo Kiev, então um clube ainda emergente no campeonato soviético. Participou dos três primeiros títulos soviéticos do Dínamo, conquistados consecutivamente em 1966, 1967 e 1968, ano em que saiu do clube. Ostrovskis encerrou a carreira no Mashuk Pyatigorsk, da RSFS da Rússia, em 1970. Após parar de jogar, foi morar na Ucrânia.

O único letão a ter participado de Copas faleceu em 2001, em Kiev. Apesar dos títulos, foi preterido em favor de Aleksandrs Starkovs nos Prêmios do Jubileu da UEFA, na escolha do melhor jogador letão dos 50 anos da entidade.