Let There Be Rock: The Movie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

[carece de fontes?]

Let There Be Rock: The Movie
Álbum ao vivo de AC/DC
Lançamento 18 de novembro de 1997
Gravação 9 de dezembro de 1979
Gênero(s) Hard rock
Duração 79:02
Gravadora(s) East West Records
Produção Tony Platt
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de AC/DC
Último
Último
Ballbreaker
(1995)
Stiff Upper Lip
(2000)
Próximo
Próximo

Let There Be Rock: The Movie é um filme com uma performance ao vivo do AC/DC. Foi gravado no Pavillon de Paris, na França em 9 de dezembro de 1979[carece de fontes?].☃

O filme foi lançado, após anos de ausência, em dvd e blu-ray em 2011. Um box de metal numerado também foi lançado com o dvd e o blu-ray do filme. Ao dvd e blu-ray foram inseridos extras, dentre eles, entrevistas com diversos roqueiros que reverenciam a banda, e contam a importância dos músicos e sua influencia. O filme só estava disponível em velhas cópias de VHS. A trilha sonora original do filme, um disco em vinil duplo com o mesmo nome e foto do cartaz do filme atualmente é um item rarissimo. O cd duplo com a trilha sonora foi lançada em 97 e compõe o box set Bonfire. Além da performance ao vivo, o filme traça um perfil sobre os membros da banda, oriundas da opinião dos próprios músicos. Inclusive, Angus Young em seu momento de dissipar sua opinião sobre Bon Scott fala que : "Bon é Bon, a pessoa mais louca que eu já conheci". Outra cena curiosa é a do baterista Phil Rudd, um dos membros mais discreto do grupo dirigindo um automóvel em alta velocidade sobre um lago congelado, junto com Bon Scott, que termina a cena saindo do carro e dançando sobre o lago. Foi um dos concertos gravados que foram passados em cinema, assim como o documentario Woodstock, e os shows Live at Pompeii do Pink Floyd, The Lasr Waltz do The Band e Song Remains the Same do Led Zeppelin. A grande maioria dos concertos que eram televisionados, pertenciam a grandes emissoras (como a ABC e a BBC) e posteriormente foram lançados em vhs e dvd. Mas para cinema, foram poucos que se destacarm, sendo este Let Ther be Rock, um deles.

Faixas[editar | editar código-fonte]

Disco 1

  1. "Live Wire" – 8:04
  2. "Shot Down In Flames" – 3:39
  3. "Hell Ain't a Bad Place to Be" – 4:31
  4. "Sin City" – 5:25
  5. "Walk All Over You" – 5:06
  6. "Bad Boy Boogie" – 13:20

Disco 2

  1. "The Jack" – 6:05
  2. "Highway to Hell" – 3:30
  3. "Girls Got Rhythm" – 3:20
  4. "High Voltage" – 6:32
  5. "Whole Lotta Rosie" – 4:55
  6. "Rocker" – 10:45
  7. "T.N.T." – 4:13
  8. "Let There Be Rock" – 7:34

Versão australiana

  1. "Live Wire" – 8:04
  2. "Shot Down In Flames" – 3:39
  3. "Hell Ain't a Bad Place to Be" – 4:31
  4. "Sin City" – 5:25
  5. "Bad Boy Boogie" – 13:20
  6. "The Jack" – 6:05
  7. "Highway to Hell" – 3:30
  8. "Girls Got Rhythm" – 3:20
  9. "High Voltage" – 6:32
  10. "Whole Lotta Rosie" – 4:55
  11. "Rocker" – 10:45
  12. "Let There Be Rock" – 7:34

Formação[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de AC/DC é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.