Licranço

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaLicranço
Licranço na Polónia

Licranço na Polónia
Estado de conservação
Não avaliada
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Classe: Reptilia
Subclasse: Lepidosauria
Ordem: Squamata
Subordem: Sauria
Família: Anguidae
Género: Anguis
Espécie: A. fragilis
Nome binomial
Anguis fragilis
Linnaeus, 1758
Distribuição geográfica
Distribuição na Europa
Distribuição na Europa

O licranço, alicanço, licanço, fura-mato, luzidio ou cobra-de-vidro (Anguis fragilis) é um réptil da ordem dos sáurios, de membros ausentes (ápode). Pertence à família dos anguídeos. É nativo de África, da Europa e da Ásia.[1]

Apesar do nome vulgar "cobra-de-vidro", estes animais são, de facto, lagartos.[2] Entre as características que os diferenciam das cobras estão:

  • a pálpebra – os lagartos possuem pálpebras móveis e as cobras não;
  • a sua língua é dividida em vez de bifurcada, como acontece nas cobras;
  • a troca de pele desses lagartos ocorre em farrapos, em vez da pele inteira, como acontece nas cobras.[3]

A pele tem um toque suave e é composta por escamas não sobrepostas. Tal como outros lagartos, o licranço autotomiza-se, o que significa que podem perder a cauda, de forma a fugir a predadores. A cauda volta, depois, a crescer, mas raramente atinge o tamanho inicial.[3] As fêmeas têm frequentemente uma risca no dorso, enquanto que o macho pode ter manchas azuladas.

São animais diurnos, gostando de se aquecer ao sol. São carnívoros e, como se alimentam de lagartas, larvas e lesmas, encontram-se frequentemente junto a campos com erva.

As fêmeas dão à luz crias plenamente desenvolvidas. São, portanto, animais ovovivíparos. As fêmeas podem ser encontradas, nos dias antes do parto, em locais soalheiros e quentes, tomando banhos de sol.

São comuns em jardins e especialmente benéficos, já que ajudam a controlar pragas prejudiciais de insectos e lesmas. O jardineiro pode encorajar a permanência destes animais colocando chapas de zinco ou plásticos pretos no chão já que o licranço gosta especialmente de se colocar debaixo de tais objectos que funcionam como colectores de calor.

Os animais adultos conseguem atingir até 50 cm de comprimento e são conhecidos pela sua excepcional longevidade; acredita-se que sejam o tipo de lagarto com maior tempo de vida.

Existe o mito popular que a mordida dum licranço pode matar e as pessoas mal avistam um apressam-se a matá-lo, este animal até teve direito a um provérbio: "Picada de licranço, três horas de descanso".

Subespécies[editar | editar código-fonte]

Grande plano da cabeça de um licranço.

Referências

  1. Anguis fragilis. Visitado em 2013-02-12.
  2. Reptiles & Amphibians of France - Slow Worm, Anguis fragilis. Visitado em 2013-02-12.
  3. a b Slow-worm. Visitado em 2013-02-12.

Bibliografia adicional[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Licranço
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Licranço