Licurgo (Arcádia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Licurgo, na mitologia grega, foi um rei da Arcádia.

Licurgo o filho mais velho e sucessor de Aleu,[1] filho de Afeidas.[2]

Aleu teve três filhos, Licurgo, Amphidamas e Cefeu, e uma filha, Auge,[3] que foi seduzida por Héracles quando este esteve em Tégea.[4] Segundo Pseudo-Apolodoro, que não menciona Amphidamas, a esposa de Aleu e mãe de seus filhos era Neaera, filha de Pereus, filho de Élato e Laódice, filha de Cíniras.[5]

Licurgo ficou famoso por matar à traição, e não em uma luta justa, um guerreiro chamado Areithous.[1] Ele teve dois filhos, Anceu e Epochus; Epochus morreu de doença, e Anceu foi um dos argonautas e morreu na caçada ao javali de Calidão.[1]

Licurgo viveu mais que seus filhos, morrendo em uma idade avançada, e foi sucedido por Équemo, filho de Aéropo, filho de Cefeu, filho de Aleu.[6] Équemo foi sucedido por Agapenor, filho de Anceu, filho de Licurgo; foi Agapenor quem liderou as tropas da Arcádia na Guerra de Troia.[7]

Referências